Como será o amanhã? Essa é uma pergunta da qual a maioria das pessoas se perguntam, principalmente quando as coisas não vão bem, daí vem: Preocupação, ansiedade, surpresas, etc. A única forma é pedir a tupã para que o amanhã seja melhor.
Se nós pararmos para pensar no amanhã, não o amanhã pessoal da gente, mas o amanhã do povo indígena da nossa comunidade e dos nossos futuros filhos, que erdarão essa cultura maravilhosa. Será que vai ser bom ou ruim esse futuro? Só Deus sabe. Porém nesse novo dia que nós temos hoje, podemos fazer algo para que tragam bons resultados no futuro, criar incentivos para os jovens e crianças, plantar um pé de PAZ para que brotem no amanhã.
Podemos ensinar a preservar, a cuidar, a dar valor a algo bom que pessoas da nossa propria comunidade vieram lutando há muito tempo para que sejamos beneficiados por sua luta. È tão bom saber que podemos fazer algo prestigioso todos os dias como se fosse o começo, pois temos “um novo dia todos os dias,” para consertar os nossos erros e fazer algo cujo deêm resultados bons.

Hemerson Dantas
hemersonpataxo@gmail.com

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Olá hemerson sua matéria ficou blz. Devemos pensar no amanhã. Faze sempre coisas boas para que possamos colher coisa boas também.Mas sempre entregando tudo nas mãos de Deus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here