Publicado originalmente no blog 

 Caros irmãos católicos,

Com o Encontro Mundial da Juventude Católica e aproveitando a  visita de sua santidade o Papa Francisco ao Brasil, gostaria, como indígena batizado, crismado e comungado fazer um pedido para que o Encontro se pronuncie sobre a situação dos povos originários desta parte da América, os  indígenas, vítimas das maiores atrocidades do Estado e da sociedade envolvente desde a invasão européia, começando pelas denominadas  guerras justas que escravizaram e exterminaram inúmeros povos e etinias; a ditadura militar, através dos extermínios em massa e da atual articulação política do Estado Nacional com os grandes empreendimentos que envolvem as empreiteiras, agronegócios, mineradoras e o sistema financeiro contra o sagrado direito às terras, tradicionalidade e a diferenciação cultural.

Não sei como encaminhar junto ao Encontro para que discuta, delibere e peça a sua santidade para que se pronuncie sobre essa mácula humana contrária ao cristianismo, reconhecendo, ao menos em parte à culpa para que os irmãos católicos vinculados direta ou indiretamente a esses setores estatais e econômicos não reproduzam essas atrocidades e amenizem seus ataques contra seus irmãos católicos indígenas fazendo com que a paz espiritual e subjetiva seja reproduzida na objetividade da política, gestão estatal, nas empreiteiras, no agronegócio, nas mineradoras e no sistema financeiro.

Não atingiremos a paz subjetiva espiritual enquanto não atingi-la na objetividade e nesse contexto peço aos irmãos católicos que participarão deste importante Encontro da Juventude que ajudem a encaminhar esse pleito à sua santidade, o Papa, para que se pronuncie sobre essa questão.

Agradecido.

Arão da Providencia Guajajara

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR
militante do Tribunal Popular: o Estado brasileiro no banco dos réus

1 COMENTÁRIO

  1. Meu caríssimo irmão Sassá Tupinambá, parabéns pela matéria, levarei ao conhecimento do nosso querido e amigo padre Alberto, para que ele tome conhecimento e encaminhe a Diocese de floresta Pernambuco e que as Diocese do pais inteiro levem também esse maravilhoso conteúdo, pois ainda há ditadores,coronelistas, burocracistas formados que aos poucos querem exterminar a nossa nação indígena e que Deus ilumine sua mente para escrever bons artigos que beneficie todos nos. abraços.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here