Cada pequena ação que realizamos transforma nossas vidas e as vidas de outras pessoas. Para ser um bom cidadão basta perceber que não estamos sozinhos: vivemos em comunidade, seja em casa, na Aldeia, na rua, na escola, na nossa cidade, no nosso país e no planeta Terra.

Olá amigos!!

Neste texto falamos um um pouquinho sobre cidadania.

Você aí sabe o significado desta palavra?

O que é cidadania para você? Você é capaz de identificar na sua vida, e na vida da comunidade em que vive, a cidadania?

Aqui vamos tentar responder estas questões.

Antes de tecermos algum conceito sobre o que venha a ser cidadania, o primeiro passo a ser estabelecido é o de acreditar que a cidadania se constrói, enquanto processo, na história de cada um de vocês e da sociedade a que vocês estão inseridos. Ela se traduz pela capacidade de nos fazermos sujeitos responsáveis por nossa história e pela construção da história de nossa sociedade. Com isto, queremos dizer que a sociedade não é obra de um indivíduo (uma só pessoa) apenas, mas de uma coletividade ( vários indivíduos juntos).

Como ideal, a cidadania deve conduzir o homem a emancipação. No entanto vale lembrar que neste processo a cidadania pode sofrer distorções graves, retardando ou impedindo o seu exercício. É, justamente, o que ocorre com a chamada “CIDADANIA ASSISTIDA”, que se expressa através de programas assistencialistas que mascaram a marginalidade social, ou seja, ao invés de incentivar que as pessoas trabalhem juntas e assim todos assumam o seu papel de cidadãos conscientes, dispostos a fazer a sua história de forma coletiva e organizada, assume-se uma outra prática, a do assistencialismo, reduzindo dessa forma, a capacidade da população de buscar caminhos alternativos de superação dos problemas enfrentados. Isso acaba por gerar “pobreza política”. O assistencialismo é uma forma de dominação capaz de transformar a população em MASSA DE MANOBRA, de PERIFERIA, de MARGINALIZAÇÃO.

Por isso, vamos ficar ligados! Pois, estarmos alerta para esse tipo de dominação é atitude cidadã fundamental. Ora, Parentes! Toda pessoa deve conhecer seus direitos de cidadão para que possa saber quando eles não estão sendo cumpridos, e assim tomar as atitudes necessárias para o restabelecimento do mesmo. Desse modo você exerce sua cidadania, que nada mais é do que a busca de uma vida digna. Seguindo seus direitos e deveres você está exercendo sua cidadania.

Mas, quais são os direitos característicos da cidadania? Lá vão eles:

• Os DIREITOS CIVIS, garantem a vida em sociedade, tais como a liberdade de opinião, liberdade de imprensa, liberdade de pensamento e fé, e o direito a igualdade de tratamento frente a justiça. Vejamos uma definição dada por um grande autor brasileiro:

“são os direitos fundamentais à vida, à liberdade, à propriedade, à igualdade perante a lei. Eles se desdobram em garantia de ir e vir, de escolher o trabalho, de manifestar o pensamento, de organizar-se, de ter respeitada a inviolabilidade do lar e da correspondência, de não ser preso a não ser pela autoridade competente e de acordo com as leis, de não ser condenado sem processo legal regular. São direitos cuja garantia se baseia na existência de uma justiça independente, eficiente, barata e acessível a todos. São eles que garantem as relações civilizadas entre as pessoas e a própria existência da sociedade civil surgida com o desenvolvimento do capitalismo. Sua pedra de toque é a liberdade individual.” (Carvalho, J. M. de, A cidadania no Brasil – O longo caminho- pp.9-10, Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2001)

• Os DIREITOS POLÍTICOS, garantem participação da sociedade no governo tais como o direito de votar e ser votado, direito ao voto secreto, entre outros;

• Os DIREITOS SOCIAIS, garantem a participação na riqueza coletiva é o direito ao mínimo bem-estar socioeconômico, traduzido pelo direito à saúde, educação, etc. Vejamos o que diz o autor citado acima a respeito:

“Eles incluem o direito à educação, ao trabalho, ao salário justo, à saúde, à aposentadoria. A garantia de sua vigência depende da existência de uma eficiente máquina administrativa do poder executivo. Os direitos sociais permitem às sociedades politicamente organizadas reduzir os excessos de desigualdades produzidos pelo capitalismo e garantir um mínimo de bem estar para todos. A idéia central em que se baseiam é a justiça social”

A cidadania se constrói enquanto processo no cotidiano, a cada dia. Na luta pela melhoria das condições de vida em sua aldeia. Na busca pela melhoria do transporte, na melhoria das condições sanitárias, da iluminação, luta pela escola de qualidade, respeitando individualidades de casa aldeia e por um posto médico digno, com funcionários competentes e comprometidos com a saúde indígena.

Repito: precisamos todos estarmos atentos para o fato de que o exercício da cidadania, nos pequenos problemas do dia a dia, nos deixarão mais habilitados e fortalecidos para as grandes batalhas futuras. Um abraço quente como o sol em todos vocês. Até o nosso próximo encontro!!!

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Estamos em busca de uma cidadania melhor,pois lutamos ,por uma cidadania para um vida digna é melho.Sequindo sues dereito,e deveres por todos estão exercendo sua cidadania,nosso indios lutamos pelo nós dereitos é deveres somos compas de cidadão?

  2. a cidadania é algo que com muito esforço estamos conquistando,direitos politicos,sociais e civis já estão conquistados só precisa ser compridos como pede a lei.E nos indigenas devemos lutar para que isso aconteça.

  3. Cidadania é saber compartilhar,os frutos das conquistas que lutam em prol da comunidade,ver um horizonte que possa brilhar para todos.
    Todos esforços feito por um grupo tentando trazer benefícios a sua comunidade é cidadania ao meu ponto de vista,e vc dominando as leis em conhecimento facilita aluta de cada um,os direitos civis,políticos e sociais são sem dúvida algo que todo índio deveria se enteresar de aprender,vão usar ambos em sua vida toda.

    Seguiremos as leis, se forem para serem cumpridas,para tal deve-se conhecer primeiro por isso cidadania é muito empotante em nossas vidas!

    Obrigada a Facilitadora por facilitar nossas vidas!
    Um abraço !
    Lian!!

  4. Eu entendo que o cidadao brasileiro podera nao perder a cidadania brasileira se ficar provado que precisaria da cidadania estrangeira para poder ser igual aos demais em alguma coisa da vida civil.
    Estou incluindo oferta de trabalho nisso.
    Sera que estou errada em pensar que seu eu optar pela cidadania estrangeira e isso me trouxer chance de acessar maiores possibilidades de emprego entao e uma necessidade civil e dai eu posso ter as duas?Que acha?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here