No dia 09/05, aconteceu na Aldeia Tupinambá de Olivença, na comunidade de Itapoã
A apresentação da 2ª edição do livro Índio na Visão dos Índios “Nós Tupinambá.

Nós Tupinambá

A apresentação do livro, foi destinada para os representantes das
comunidades indigenas de nossa Aldeia, alunos e professores da Escola
Estadual indígena Tupinambá de Olivença. Más tivemos também visitas de
representante da Prefeitura de Ilhéus e Uma, representantes da Funai
e Funasa, e alguns Alunos e Professor da UESC.

No primeiro momento teve um grande Porançi junto com os parentes das
comunidades e da Escola onde celebramos o Tupã da vida, para que nos
fortaleça na frente de todas a barreiras e obstáculos que virá em
nosso caminho e pra nos manter unidos respeitando um as diferenças do
outro, mas caminhando junto para a conseguirmos o nosso grande
objetivo que a demarcação de nosso território tradicional.
Logo após o Porançi tivemos a palestra com a Cacique valdelice
“Jamopoty”, que falou sobre a importância do livro para nossa Aldeia,
para se fazer visível a realidade do nosso povo vivendo o hoje no
século XXI, principalmente pelo momento que passamos hoje, para
conseguir-mos junto a funai e seus antropólogos concluir o estudo
fundiário e com isso ter a conclusão do relatório de nosso
território.

A segunda palestra foi a de Jaborandy Yandê, que falou da importância
do livro, e de todo meio de comunicação que possa dar visibilidade na
realidade e na luta que os povos indígenas vivem no dia-dia em suas
aldeias, e de como podemos usar tudo que a tecnologia nos apresenta,
ao nosso favor, para estar buscando situação de viver digna e de
qualidade para o nosso povo. Falamos também como é importante esta
colocando o livro “índio na visão dos índios” para estar sendo usados
dentro da sala de aula na Escola indígena, para os nossos curumins ver
seus Pais, Avós , seus próprios parentes contando como era geração
deles como é essa nossa geração, e a importância de cumprir-mos nosso
dever que é dar continuidade e manter viva pelas gerações nossa
tradição, cultura e religião.

Logo depois houve um debate com perguntas para os parentes que estava
fazendo a palestra, e dentro disso os professores presentes pensaram na
possibilidade de eles estarem junto com os anciões, produzindo livros
didáticos feito pela própria comunidade para estar repassando para
os alunos dentro das salas indígena.

O fechamento da apresentação foi com a parente, Dra: Ivana cardoso
“Potyra” Diretora execultiva da Thydewas, que falou sobre a coleção
Índio na Visão dos Índios e da importância dos livros para as
comunidades indígenas que fizeram este livro. Colocou com muita ênfase
sobre o objetivos e as metas que nós Tupinambás podemos alcançar com
esse livro dando visibilidade a ele lá fora mais também o apresentando
nas comunidades de nossa aldeia.

Gostaríamos primeiramente a agradecer a nosso Pai Tupã pela conclusão
de mais um trabalho bonito e de qualidade execultado dentro de nossa
Aldeia. Agrademos também ao BNB ” Banco do Nordeste do Brasil” pela
parceria que sem ela teríamos muita dificuldade… Thydewas e os
parentes que deram o sangue para ver esse trabalho pronto e o Portal
Índios On line pelo acompanhamento, apoio e abertura de esta fazendo
a cobertura de todos os eventos sempre.

E até a 3ª Edição pela graça do nosso Pai Tupã.
Awere!!!

Jaborandy Yandê Tupinambá de Olivença
jaborandy.indiosonline@gmail.com

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. A Escola Estadual Tupinambá de Olivença sede,prestigiou o lançamento do livro na aldeia itapuã,local onde funcionam 06 turmas distribuídas nos tres turnos,o nucleo itapuã está de parabéns,os professores moram na retomada e procuram construir uma educação diferenciada e de qualidade,vivendo a cultura indígena no seu dia a dia.

  2. Parabéns a todo povo Tupinambá por esta nova conquista , fruto do trabalho , concientização e organização de vcs. Esta é apenas mais uma conquista , de muitas que virão , basta acreditar.

  3. Me lembro de quando comecei a estudar historia do brasil na 5ª série e a professora falava que os tupinambás foram exterminados. Cheguei em casa e disse pra minha mãe que Foi entao que minha mãe com toda sabedoria herdada de nossos ancestrais proferiu uma frase que mudou a minha vida: “EXISTE A HISTÓRIA CONTADA POR ‘ELES’ E EXISTE A NOSSA HISTORIA”. Após isso ela saiu e foi regar as plantas e eu fiquei ali parado pensando no sentido daquelas poucas palavras e percebi o quanto é importante nós mesmos difundirmos nossa história, nossa cultura, falar da nossa vida.

    Gostaria de saber como adquirir esse livro.

    Israel Sassa – Iberê-Uaná Tupinambá

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here