Nós Pataxó Hãhãhãe, a mais de 50 anos que viemos sofrendo. Nós Hoje enfrentamos a Polícia, o Governo da Bahia, o Poder Legislativo de Ilhéus, a imprensa que é comprada pelos os fazendeiros e os Pistoleiros contratados pelos os Grileiros para nos matar.

Toda essa luta é para nós índios Garantir um direito que esta na Constituição Federal, que é o direito a terras aos índios. Essa luta nossa está travada desde 1982 no STF (Supremo Tribunal Federal), quem é o relator do Processo Nelson Jobim, que tem feito uma cadeira do processo e esta sentado em cima.
Enquanto o Povo Pataxó Hãhãhãe vem sofrendo as conseqüências, para ter uma idéia de nossa situação, 19 lideranças indígenas já foram assassinadas e nenhum dos bandidos foi punido (pistoleiros de fazendeiros). E por fim a mídia tem divulgado para sociedade que nós somos invasores de terra, nós é que somos maus… Quando na verdade é o nosso povo que é agredido fisicamente, assassinados, roubados, espancado e torturados. E nós não invadimos nada, pelo o contrario retomamos o que nos pertence, o que é nosso por direito. Então não invadimos e sim Retomamos.

Todos os dias por volta das 4hs da manhã, pistoleiro dá rajadas de tiro na fazenda próxima a área de retomada, e tem mandado constantemente ameaças, dizendo que vão atacar os índios se caso a eliminar seja favorável aos índios. A policia federal tem visitado a área retomada, eles sabem onde fica os pistoleiros mais nada tem feito para desarmá-los ou prende-los. Ficamos sabendo que tem até policiais servis de Itabuna juntos com os pistoleiros. Pos isso nós índios estamos correndo muito risco de morte. Mas pedimos a Tupã que nos proteja è a única esperança que nos resta.

Somos caciques Pataxó Hãhãhãe, estaremos disposto ir até o fim para manter a resistência, o que queremos é que um dia o nosso povo possa viver em paz. Hoje estamos sofrendo, a qualquer momento um de nós pode morre, devido as ameaças constantes, mais estaremos permanecendo na luta. Aqui na retomada estamos passando um momento muito ruim, temos crianças doente precisando de uma assistência medica e também de uma alimentação adequada, o único alimentação que temos é carne, arroz e feijão, em pouca quantidade pela a grande quantidade de índios que existe na retomada, até o momento a FUNASA não deu assistência a nossa comunidade existe epidemia de diarréia, feridas, dor de barriga, também índios que precisa de remédio de controle de diabete, hipertensão… Já cobramos e até o momento não houve uma atenção.
Pedimos a você cidadão ou cidadã, que nos ajude, o povo Pataxó Hãhãhãe precisa de seu apoio, vamos juntos pressiona o governo para que as autoridades desse país resolvam logo a nossa causa.
Fábio Titia – Presidente do CLSI

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here