que não está dando assintência aos indios. Neste contexto existe varios fatores précario que a Funasa está fazendo com os indios.
. Os exames que os indios fazem atrazam por causa da Funasa, que não se importa em correr com os exames que chegam para receber logo resultados novos. e os indios acabam pretendo o atendimento médico.
.Além disso os indios que se deslocam da Aldeia, para a cidade de Itabuna para fazer exames são hospedados no hotel, mas não são bem atenditos.
Além disso têm 4 mês que não têm assistência médica;só têm duas aréas indigenas que tem assistência :Água Vermelha, Mundo Novo, com muita luta conseguimos este dois atendimento com a Prefeitura da cidade de Camacan.
As outras aréas indigenas:Baheta,Caramuru,as dificuldades são maiores por que o médico que atuam nestas aréas são contratado pela Prefeitura da cidade de Pau-Brasil, até então a Funasa não está tomando nem uma solução.
O fato dos médicos não presta serviço na aréas indigenas, segundo a justificativa que dão: que diz que o ambiente que estão trabalhando não tem estrutura, porém o médico Drº Jackeson não está prestando serviço na comunidade indigena mas que continuam recebendo o seu salário sem trabalhar, pois o Presidente da Saúde da cidade de Pau-Brasil(Jeovane) não suspendeu o pagamento do médico.
Com isto estamos bastante preocupados com estas situações que está acontecendo pela falta de atendimento médico na Aldeia.Foi um desses motivos que ao nosso vê que predemos um anciã, porque se nós estivesse uma boa assistência médica este indio não teria morrido o mais rapido possivel.
Mesmo com está assitência tão précaria.Estamos tomando uma providência para melhorar a situação da nossa comunidade, um nosso objetivo é pedir uma auxilio ao governo que nos dê uma boa assintência relação a saúde uma melhor, que tragam para a nossa cominudade a autonomia ao orgão que se resposabiliza a saúde indigena a Funasa, que infelizmente etá fazendo a desejá.

Yonana Pataxó

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here