Os medicamentos da Unidade de Saúde (US) Guateca estão em falta, deixando assim centenas de pessoas desprovidas de cuidados. Um funcionário da US, que preferiu não se identificar, confirma: ” o que nós vamos fazer? Não tem medicamento. A única coisa que estamos fazendo é encaminhar as pessoas ao Posto de Saúde do Município… eles não podem ficar sem rémedio”.
Nós, enquanto moradores da Reserva Indígena de Dourados, conhecemos de perto as problemáticas que envolvem toda a população e usamos os meios de comunicação para cobrar o que é nosso por direito.

kenedy de souza morais.
Guarani
kenycara@yahoo.com.br
http://ajindo.blogspot.com/

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Todos sabem quando se trata de assunto de saúde o caso é delicado porque todos dependem da saúde para sobreviver é preciso mais de um pouco de atenção porque os que moram da aldeia sabe da necessidade de manter a saúde, observamos que a saúde indígena em geral esta se tornado precária o órgão que é responsável pela saúde indígena de manter a assistência não esta se importando… Quando não encontra solução para resolver o fato joga a culpa em outro órgão ou divide a sua responsabilidade para a prefeitura, que observo que não deveria acontecer se a Funasa foi criada para resolver os problemas da saúde do índio deveria arcar ate o fim.
    Ao meu vê quando a saúde é passada para a prefeitura as coisas não ficam boas porque quando vão marcar um exame é muito demorado e os que são atendidos primeiro são os moradores da cidade e o índio fica sofrendo na espera de acontecer milagre para ser atendido.
    Mas não é com esta coisa errada que vamos abaixar a cabeça é preciso que tome solução para estes problemas e que toda a comunidade se reúnam e reivindique o seu direito, porque estes deveres são nossos de correr atrás das providencia de manter a saúde da nossa comunidade em dias. Não devemos só falar e não procurar nem uma posição é preciso refletir e lutar para conseguir nossos objetivos em favorecer uma saúde de boa qualidade para nosso povo.

    Grata:
    Yonana Pataxó Hãhãhãe

  2. Amigos…
    Como colborador da REDE…..Enviei este email para 15 servidores da FUNASA:

    Prezados amigos interessados na Saúde Indígena:

    Sou colaborador da Rede Índios On-Line [ http://www.indiosonline.org.br ] , a qual acompanho desde seu surgimento em abril de 2004 e vem me tocando muito as reivindicações que os indígenas escrevem em referencia a saúde.

    http://www.indiosonline.org.br/blogs/index.php?blog=11&p=2531&more=1&c=1&tb=1&pb=1#more2531

    http://www.indiosonline.org.br/blogs/index.php?blog=11&p=2532&more=1&c=1&tb=1&pb=1#more2532

    Gostaria saber, se através da FUNASA, ou através de alguma outra pessoa jurídica ou física, com compromisso e sensibilidade, seria possível marcar um CHAT dentro de Índios On-Line para que os próprios indígenas saibam melhor compreender os seus direitos e deveres e saibam melhor agir quando se sentirem lesados.

    Alguém que possa dirimir duvidas e sugerir os melhores caminhos para os procedimento de reivindicação.

    Eu particularmente desconheço o sistema, não sei se há ouvidorias, observadores, fiscais… Se o mais adecuado é entrar em contato com a FUNASA, ou Ministério Publico, se é através de denuncias, queixas, notas na imprensa… Desconheço o mecanismo sugerido pela FUNASA e acredito que seria de muita valia que os indígenas viessem a ter essa informação para poder construir coletivamente junto ao órgão uma melhor Saúde.

    A disposição, no aguardo de vosso contato,

    Sebastián Gerlic
    Presidente da THYDEWAS
    (82) 3334-0402 // 9931-4361
    (71) 9123-6699
    visite: http://www.indiosonline.org.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here