Somos um povo bastante rico de diversidade de animais e
plantas que é um segredo de remédios que é passado pai
para filho…
Desde pequeno o índio já é motivado a conhecer as plantas
e saber de seus benefícios além dos remédios à mata
também oferece muitas outras coisas como o material para
fazer nossos artesanatos para fazermos colares, pulseiras.
A Mata Atlântica do estado de Alagoas sofreu ao longo de 500 anos de colonização e ocupação, um processo gradativo de exploração desordenada e degradante. Essa ocupação deu-se através do litoral norte com a exploração da cana de açúcar e, do litoral sul com a subida do Rio São
Francisco, tendo se desenvolvidos alguns sítios com a
formação de Engenhos de Bangüê.
No entorno de sua área estão instaladas duas usinas de
cana-de-açúcar e um projeto de irrigação da CODEVASF.
Isso torna a pressão sobre a unidade muito grande, além
de potencializar o risco de ocorrência de acidentes ambientais,
necessitando assim, da participação efetiva dos órgãos
fiscalizadores.
Não vamos deixar que acabem com nossa mata.
(Autor:nome indigena (tawan)Douglas Kariri-Xocó)

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here