Os povos indígenas em sua maioria usavam os meios aquáticos para fazer suas viagens de mudança nas migrações, através dos mares, rios e riachos, utilizando canoas ou jangadas. Era muito pouco os que se aventuravam fazer por terra essa operação. Pelos perigos da floresta, animais selvagens e tribos arredias, como também pela facilidade dos transportes em frotas de canoas, com agrupamentos de famílias, seus bens. Ainda mais no mar e nos rios existia grande abundância de peixes e água e poderiam sair em qualquer emergência numa fuga. Portanto por uma cultura aquática, eram considerados povos navegadores.Nhenety Kariri-Xocó.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here