A comunidade indígena de Ibotirama no Oeste da Bahia é formada
por uma parte do grupo de etnia tuxá, são indígenas que sofreram com os impactos da construção da Barragem de Itaparica, projeto desenvolvido pela Companhia Hidrelétirica do São Francisco-CHESF e que por esse e outros motivos optaram por um reassentamento diferente que atendesse as demandas do grupo liderado pelo cacique Manoel Novais.
Os Tuxá até o ano de 1987 ocupavam as terras da aldeia de Rodelas, município do norte da Bahia, na região do submédio São Francisco, fronteira com o estado de Pernambuco.
Depois de passarem por vários momentos de contato e história com a chegada da sociedade colonial/nacional a partir do século XVII, o povo tuxá que são resultantes de uma síntese histórica dos diversos povos que foram aldeados na Missão de São João Batista de Rodelas, vivenciaram de perto muitos momentos de aflição com relação a manutenção das terras, atividades agrícolas,socioeconômica para evitar a migração maciça, a escolarização da população, a aliança com o poder público entre outros.
Com a notícia da inundação da aldeia pelas àguas do rio transformado em lago, resultante da construção da Barragem de Itaparica um projeto desenvolvido pela CHEFS, o destino de muitas famílias passava é ser controlado pelo poder dos órgão estatais.Sendo assim, os Tuxá que optaram em morar da cidade de Ibotirama acreditavam que as terras fora da área de inundação eram de baixa qualidade, e mesmo com as pressões políticas das lideranças oligárquicas locais da cidade que temiam um esvaziamento eleitoral significativo o grupo não mudou de idéia. O grupo decidiu morar no oeste da Bahia, também as margenas do rio São Francisco assim surge a aldeia de Ibotirama resultado de uma composição heterogênea de famílias e de vozes insatisfeitas com várias questões internas e externas.
Entretanto, o que se vê hoje é uma povo forte com interesses e lutas, que visam a melhoria de todos os setores da comunidade e o fortalecimento das identidades, costumes e tradições.

Jandair-Tuxá
jandairribeiro@hotmail.com
janntuxaibotirama@yahoo.com.br

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. A separacao do povo tuxa nao foi boa, nem para quem foi para IBOTIRAMA e nem para quem ficou em RODELAS, pelo contrario todos nos saimos perdendo emfraquecendo nossas aldeias. Mas agora e hora de se articula, e proucura meios de melhoria para cada aldeia, somos todos irmaos…Parabens JANDAIR RIBEIRO, por trabalha nesse processo de desenvolvimento do povo tuxa de IBOTIRAMA…

  2. Eu Dra (a)NoemiMenezes-sou tuxá guardo dentro da minha alma á garra desse povo trabalhador que um dia habitou terras de Ibotirama,obviamente que á separação tinha que acontecer, pois para isso tinha que haver motivo para os povos das aldeias buscar novos caminhos,hoje sou Dr (a)já mais vou dexar de ser Tuxá,mesmo vivendo em outro pais ,quando me perguntam vc parece india digo sou tuxá com muito orgulho.
    Kisses

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here