PEGAR PÁSSAROS MOLHADOS

O inverno aqui na tribo vem no mês de abril ou maio, chove muito na terra, o solo fica ensopado, com barro vermelho pegajoso, as grotas começam a estrondar pelo barulho das águas, enche lagoas, o rio, o mato fica verde. Temos um costume quando chove, os rapazes vam no pasto pegar pássaros de mão, os bichinho ficam molhado, não podem voar, as penas ficam pesadas, é fácil do índio pegar. Tem pássaros que voam sem problemas, outros não , alguns ficam encolhidos debaixo de uma moita. O anum pássaro preto alarmento, é o mais fácil de pegar, a nambu também sente dificuldade de voar, muitos índios pegam para comer, em tempo de crise, quando a fome acochar. Tornar-se um assado gostoso, assado na brasa, café e farinha azeda de mandioca. O índio que mais gosta de pegar anum molhado é o Sr., Pedro Girí, sai convidando ou outros “ Vamos pegar Anum Molhado “, alguns vam com ele, trazem muito passarinhos. A técnica é só correr atrás dos pássaros no capim, sem poder voar, os bichos corre pouco e cansam, basta segurar com a mão e colocar no saco. Mas agora isso quase não se usa mais, os pássaros estão poucos, as condições de vida da gente mudou, temos que manter o costume , “ Pegar o Pássaro Molhado “ e soltar de volta para a natureza devolver. Nhenety Kariri-Xocó.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here