Documentos do século XVIII registram etnias diferentes coabitando esses aldeamentos missionários no médio baixo São Francisco, como porcás, brancararus, kariris e diversas nações de tapuia. O aldeamento de Rodelas, que originou a vila e depois o município de Rodelas, foi uma das últimas missões que foram extintas no século XIX.
Até início do século XX, quando se iniciou o processo de reivindicação do reconhecimento étnico, os atuais índios Tuxá eram conhecidos regionalmente como índios Rodeleiros, referência ao nome do aldeamento. O nome Rodelas originou-se no século XVII, devido a um índio que se tornou famoso devido sua liderança sobre 200 índios na participação da guerra contra os holandeses na Ribeira das Alagoas do São Francisco, sob o comando de Antonio Felipe Camarão, matando 80 inimigos, obrigando assim, que os holandeses se retirassem da região Esse índio ficou conhecido com o nome de Rodela, retornando como herói para sua aldeia e sendo batizado com o nome de Francisco Rodelas ou Francisco Pereira Rodelas.
Por essa razão os índios que habitavam as proximidades de sua aldeia, no médio rio São Francisco, ficariam conhecidos como índios rodeleiros

dinamam Jurum Tupacaí tuxá.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Nossa história é forjada de muitas lutas e acontecimentos que mudam o rumo de nossas vidas.
    Excelente matéria, sempre é bom saber um pouco mais da verdade sobre nosso povo.

    Muito Agradecido

    Sandro Egues

  2. Gostei muito da máteria parabéns etnojornalista, qualquer trabalho feito como amor supera qualquer questão inferior.Vc está se superando cada vez mais !!! Parabéns!!!!

  3. OLÁ DINAMAM, SOU UMA DAS PÉTALAS DA REDE E É MUITO BOM VER QUE VOCÊ ESTÁ PUBLICANDO MATÉRIAS, CONTINUE ASSIM CRESCENDO, SE PRECISAR DE AJUDA PODE CONTAR COMIGO, ABRAÇOS ARA.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here