Nós indígenas lavramos a nossa terra para manter o sustento dos nossos familiares. A nossa subsistência é voltadas a agricultura que é cultivada vários plantios: feijão, mandioca, milho, verduras e frutas, na qual estes alimentos são produzidos para o consumo e venda. No entanto trabalho na roça é feito no braço, com a enxada.
Apesar de todos terem o conhecimento da importância da mãe terra que sempre esta mantendo os vivos com seus trabalhos; os índios estão passando certa dificuldade de aumentar a sua produção na lavoura por falta de recurso para comprar ferramenta para o trabalho e sementes para os plantios.
O desejo de fazer uma política de alta-sustentabilidade fica cada vez mais distante pela falta recurso para tocar os seus trabalhos para frente, mais que gostaria que a FUNAI revisse se com o apoio do governo da agricultura e outras empresas federais para fazer um projeto de arado e irrigação porque o trabalho de enxada é bastante demorado e como a agricultura é meio de sobrevivência dos índios e queriam muito que suas produções melhorassem para adquirir uma boa condição de vida para a sua nação.

No entanto os índios argumentam que se esse projeto surgisse tudo melhorava no seu plantio porque a produção ia aumentar e a qualidade de vida da nação ia se prospera.

Yonana Pataxó Hãhãhãe

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here