Relatório de Viagens

Povo Fulni-ô

No dia 12 de dezembro a grupo Indios On-line chegou á aldeia, no período da tarde.

Foram alojados  casa de Marilene Fulni-ô.

Foi marcado uma para uma apresentação para as 19:00 horas da noite.

Nesta apresentação falou sobre o objetivo da visitado grupo na comunidade, apresentação do  trabalho da rede e os gestores se apresentaram para as pessoas que lá estavam, dialogando e em forma de vídeos, o vídeo de apresentação da Rede Indios On-line e o vídeo da Gestão.

Falou-se um pouco sobre o que se queria ministrar nas oficinas, de Fotografia, Vídeo, Cidadania, Cyber-ativismo, Protagonismo juvenil e Etnojornalismo.

A gestão junto com os jovens que estava lá marcou o  primeiro trabalho para 13:00 da tarde do domingo, na escola Bilíngüe da aldeia.

No domingo a tarde(13 de dezembro) deu inicio aos trabalhos, as oficinas de fato, neste dia foi trabalhado somente a questão teórica das oficinas, foram elas, fotografia, vídeo, Etnojornalismo, Cyber Ativismo, Protagonismo Juvenil. A oficina começou com “Cidadania, modalidade ministrada pela indígena Ivana Cardoso (Tupinambá.)

A oficina correu bem e foi produtiva, os jovens interagiram com a oficineira, discutiram questões que julgaram interessante e relevante a ser citada, como a identidade cultural de um povo, foi um dos assuntos abordados durante a oficina.

Após a oficina de cidadania, seguiu com Graciela Guarani, que ministrou a oficina de Etnojornalismo, juntamente com a ajuda de Alexandre Pankararu. A oficina ainda contou com a ajuda de Amazoni Fulni-ô, jornalista indígena.

Graciela Guarani, iniciou sua oficina com uma apresentação de Power Paint, discutindo a fotografia e suas especificações. Foi ressaltado,  durante a oficina a importâcia do etnojornalista dentro da comunidade, e também o poder que a informação provoca.

Foi produtiva a oficina de Etnojornalismo, com noções simples de se aprender

Concluida a oficina de  Etnojornalismo, teve se que fazer uma pausa por conta da morte de uma anciã querida e respeitada na comunidade.  Foi marcado para retornar as oficinas, ás 18:00 depois do sepultamento.

Após o sepultamento foi retomada as oficinas, e foi apresentado uns vídeo sobre as oficinas que fizemos e também o vídeo  Protagonismo Juvenil chamado “Diz ai”, logo após do vídeo, foi aberto para discussão

Em seguida foi realizada as oficinas de Fotografia e vídeo com Alexandre Pankararu, onde ele deu algumas noções consideradas básicas para a produção de fotografia e vídeo, visto que muitas das técnicas destas mesma modalidades complementam uma á outra, pois são dois campos que utilizam uma linguagem parecida.

A oficina correu bem, não teve maiores dificuldades para ser executadas.

Feito todas as explanações, a turma foi dividida em grupos, cada grupo pegou um tema (fotografia, vídeo e cidadania), que foi por sorteio.

Ao final dos trabalhos ficou combinado que ás 13:00 horas do dia seguinte.

Na segunda dia 14 de dezembro, os grupos já divididos, começaram a colocar suas idéias no papel, o grupo de vídeo começou a fazer roteiro. Terminado os trabalhos entregaram tudo o que fizeram para que no dia seguinte pudéssemos partir para a pratica.

Na terça começamos as filmagens, a fotografar.

Alexandre e Graciela acompanharam os grupos, dando orientações. Os jovens conversaram com as pessoas entrevistadas, colheram depoimentos.

Com todo o material coletado, Alexandre Pankararu pegou alguns dos jovens para ensinar a editar o filme. Durante a tarde também foram distribuídas as camisetas Índios On-line Com os filmes editados, os jovens foram dispensados e só retornaram a noite para assistir o filme.

A noite, foram passados os filmes produzidos pelos jovens que participaram das oficinas.

Foram feito dois filmes, um chamado Protagonismo Juvenil Indígena e outro Homenagem a Luiza Pontes Fulni-ô. Terminada as oficinas em Fulni-ô, partimos para Kariri Xocó.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR
Militante social pelos Direitos Humanos Indígenas. potyratupinamba@indiosonline.org.br Aldeia Itapoã/Ilhéus-Bahia

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here