A ciência mostra que nosso astro maior, o Sol é uma estrela, ilumina toda a terra. Existe só um sol no sistema solar. Os nossos antepassados indígenas disseram em suas histórias: “Cada povo tem o seu Sol”. Isso depende da interpretação cultural, da sua visão de mundo. Para uns povos o Sol é Pai, para outros povos o Sol é Mãe.
O Sol tem muitas aparências. Aqui no Nordeste brasileiro é um “Sol Quente”, pelo calor natural que dele emana. Na região Sudeste o “Sol e Frio”, embaçado de garoa…lá em São Paulo.
Observando o Sol em Kariri-Xocó, ele nasce atrás do Morro da Lagoa da Enxada, no lado Leste de nossa terra e se põe no Morro de Jundiaí, do outro lado do Rio São Francisco. O Sol nestas condições naturais, geográficas e culturais, não existe em outro lugar assim. Cada Sol é único para cada povo, os lugares são diferentes, os fenômenos naturais se apresentam de modo particular em cada região ou lugar. O Sol brilha de modo diferente para cada tribo, a sua luz cultural da vida. O Sol é o Pai dos animais da floresta e a Lua é a Mãe das plantas. Cada povo tem uma realidade cultural diferente.

Nhenety Kariri-Xocó.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. La luna es la gran Abuela, la GUIDAI, algo muy sagrado para el pueblo Charrua, la que todo lo rige, …amamos al padre sol, amamos mucho a nuestra madre tierra, nuestra onkaiujhmar,al calor que hemana de ella … respetamos a los animales y la naturaleza toda …. somos tierra fecunda !!!!

  2. O sol é como se fosse o astro que nos dá força, a cada dia para aqueles que têm fé no seu poder o sol os contempla com sua vivacidade.Então o soltem uma força particular para aqueles que nele confiam e o adimiram !!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here