O homem “evoluído” possuído pelo desejo da sobrepujança destrói seus valores naturais tornando-se inimigo de si mesmo. Descaracteriza o curso natural da evolução em nome de valores criados com o único objetivo de levar vantagem em tudo.

Perdido, camufla-se criando pseudos com a finalidade de justificar suas atrocidades.

O Descobrimento das Américas (12 de outubro), o Descobrimento do Brasil (22 de abril), são datas comemorativas, que mancham a humanidade, através do maior genocídio praticado, que se tem conhecimento na história, e ainda assim constam como data que se comemoram glórias e triunfos.

Bem como, comemorar no dia 12 de outubro, o Dia das Crianças, se as mesmas possuem um futuro incerto devido à destruição do planeta, que caminha a passos largos. E, ainda não são respeitadas na sua essência.

Nós indígenas, celebramos a VIDA, Todos os dias vividos são para nós uma demonstração da harmonia existente entre o Homem (criatura), e o seu Criador (Natureza).

Auere!
Yakuy Tupinambá
yakuy@indiosonline.org.br

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Querida Yakuy,
    Também não compreendo para que comemorar um só dia para a criança. Ser criança é uma dimensão natural da vida humana e ainda temos tanto o que avançar em relação às crianças!!! Um dia desses eu soube que as crianças indígenas não são contempladas pelo estatuto da criança e do adolescente e que os indios lutam por ter um estatuto que proteja suas crianças. Se não for verdade isso, me digam, pois eu fiquei chocada com essa notícia…Criança é criança, seja de qualquer raça, classe, cor, etnia, nacionalidade..Viu, tem muita é luta pela frente…
    Um abraço

  2. Anita…concordamos com sua observacao sobre que tudo dia é dia de criança!

    Acreditamos que o ESTATUTO da CRIANÇA VALE PARA TODAS AS CRIANÇAS, nao temos informacao contraria a isso.

    Poderiamos entrar em contato com as ANDI.

    Sebas e ivana!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here