Há muitas gerações, o povo Pankararu utiliza como forma de alimentação, o bejú de massa de mandioca. Só que após a colonização e a catequização do povo pankararu, o bejú se tornou sagrado na semana santa.
Ate porque é uma forma, de conciliar o catolicismo com a cultura tradicional Pankararu.
E além do bejú ser muito saboroso, é muito fácil de fazer primeiro raspa a mandioca, depois de raspar a mandioca, rela no ralo, depois espreme num pano e espreme com a mão e penera na peneira coloca no fogo de lenha e para fazer o bejú com um caco de barro quando o caco de barro estiver bem quente coloca a massa e espalha, espere por alguns minutos até o beiju ficar bom para virar o outro lado uns minutos ele está pronto para que seja usado no lugar da farinha que nesse tempo não tinha casa de farinha em pankararu para fazer a farinha assim usavam o bejú que era mais rápido e melhor não usavam só como farinha .mais para comer separado também.

Maria Francisca dos Santos
E-mail. meuripank@yahoo.com.br
meuripank@hotmail.com

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

10 COMENTÁRIOS

  1. eu gosto de bejú e sei fazer e o jeito que vcs ensinaram está errado
    por isso eu odieiiiiiiiiiiiiiiiii……….
    da proxima vez faça melhor.

  2. Adorei a historinha! Só acho que deveriam localizar e identificar o povo Pankararu. Eu não sei fazer beju,mas gosto muito com café!
    Aos que odiaram a receita, por gentileza nos ensina. Ficaremos felizes!!
    Angela …
    Visitante

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here