REUTERS1106536_ArticoloNós povos indígenas estamos acostumados a lutar. Nada veio fácil para nós! São 516 anos que sofremos golpes atrás de golpes. Desde a invasão desse país começamos a ser apunhalados pelos usurpadores, os que querem massacrar e tomar a força o que não os pertence. Os netos, bisnetos e tataranetos dos que comandavam as invasões e golpes daqueles tempos estão aqui hoje, continuam a comandar os golpes! Começaram nos golpeando com o pretexto da fé e hoje os golpes são em favor do desenvolvimento.

Vendo a conjuntura brasileira me dá uma certa angústia, mas depois lembro dos meus antepassados que lutaram bravamente para que hoje eu pudesse bater no peito e dizer com orgulho que sou Tupinambá e me encho de forças para seguir lutando como eles fizeram. Precisamos fortalecer a nossa Cultura da Resistência, manter vivo em nós os valores dos nossos antepassados.

Acho que os brasileiros estão sentindo um pouco do que nós sentimos há séculos… invisíveis aos poderosos que só pensam em suas artimanhas para continuar no poder. O clamor do povo não foi ouvido assim como o nosso clamor não é.

Mas nós Povos Indígenas sempre lutamos pelo que acreditamos: nos pintamos, colocamos nossos mais belos adereços e partimos para a luta! Fechamos pistas, ocupamos espaços públicos, gritamos até sermos atendidos. O povo brasileiro precisa agora lutar! Nós lutaremos também!

 

 

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR
Advogada Indígena, militante social pelos Direitos Humanos Indígenas. Potyratupinamba@indiosonline.org.br

1 COMENTÁRIO

  1. Dentro da lógica capitalista tem que plantar em excesso. Por isso tanta desigualdade social. Por que os indígenas não podem fazer uso das tecnologias? Conclusão: para umas coisas o indígena deve se adaptar à modernidade, como por exemplo, plantar em excesso para ter lucro, mas não devem usar as tecnologias. Francamente, que pensamento é esse?

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here