apb

> DESTAQUES

– Indígenas se organizam para concorrer às próximas eleições

Os Povos Indígenas do Brasil estão se organizando para aumentar a representação política nas eleições de 2010. Os indígenas atualmente somam mais de 150 mil eleitores e querem mais protagonismo nas decisões do País para defender as suas bandeiras sem depender unicamente da Fundação Nacional do Índio (Funai). O objetivo é eleger ao menos cinco deputados federais no País e uma bancada forte nas Assembléias Legislativas de 19 Estados.
Leia mais

– Organizações e redes da sociedade civil divulgam moção contra Belo Monte

Durante o seminário denominado “Clima e Floresta em debate: REDD e mecanismos de mercado como salvação para a Amazônia?”, realizado em Belém (PA), diversas organizações da sociedade civil elaboraram moção repudiando a construção da hidrelétrica de Belo Monte, no Rio Xingu e se solidarizando com as populações tradicionais e originárias que habitam a região.
Leia mais

– Movimentos sociais do Xingu reagem à declaração de Edison Lobão

Organizações questionaram as declarações do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, em relação à construção da usina de Belo Monte, no Rio Xingu, no Pará. Na último dia 29 de setembro, Lobão disse que via “forças demoníacas” impedindo a realização de usinas hidrelétricas de grande porte no país. A declaração foi dada durante a abertura do 6º Encontro Nacional de Agentes do Setor Elétrico (Enase 2009), enquanto o ministro comentava as dificuldades enfrentadas para a obtenção de licenças ambientais para a construção de Belo Monte.
Leia mais
– Negócios em terra indígena terão licitação e royalties

O governo concluiu projeto de lei que garante a realização de negócios de mineração e energia elétrica em terras indígenas. Pelo projeto, as empresas poderão realizar empreendimentos nas áreas, que somam 13% do território nacional, mas terão de dar várias contrapartidas aos índios, como royalties, compensações ambientais e contratação de mão de obra.
Leia mais

– Manifesto Público em Defesa da Demarcação da Terra Indígena Tapeba

Nós, indígenas do Povo Tapeba, crianças, jovens e adolescentes, alunos, professores, agentes indígenas de saneamento e de saúde, lideranças e gestores indígenas, velhos, pajés, benzedores, rezadores e curadores tradicionais, representantes das 17 aldeias existentes em Caucaia; vimos através deste manifesto público, informar a toda população caucaiense e cearense acerca do atual processo que envolve a Demarcação da Terra Indígena Tapeba neste município.
Leia mais

– Manifesto – O Povo Xokleng La Klãno pede socorro

O Povo Xokleng da Terra Indígena Ibirama-La Klãno, Estado de Santa Catarina, pede socorro. A Barragem Norte construída sem autorização do nosso povo em 1976, para controle das enchentes no Vale do Itajaí – SC, nunca esteve com um volume de água tão alto. Já temos aldeias completamente isoladas, sem comida, água potável, atendimento de saúde. O ônibus que transporta nossas crianças para a escola não tem mais como transitar devido às áreas alagadas ou desmoronadas.
Leia mais

– Indígenas Munduruku ocupam Administração Regional da Funai em Itaituba no Pará

Lideranças Indígenas Munduruku do alto e médio Tapajós ocuparam a Administração Regional da Funai em Itaituba no Pará. A Associação Indígena Pusuru, que representa o Povo Munduruku na região, enviou carta ao Presidente da Funai, Márcio Meira, onde solicitam a presença dele ou de representante do alto escalão do órgão com poder de decisão para conduzir as negociações.
Leia mais

– Indígenas protestam contra demora na demarcação da Terra Indígena Buriti em MS

Cerca de trezentas lideranças indígenas do Povo Terena ocuparam e bloquearam a BR-163 para protestar contra a morosidade da Justiça no processo de demarcação da Terra Indígena Buriti, próxima aos municípios de Sidrolândia e Buriti no estado de Mato Grosso do Sul. O processo de demarcação da Terra Indígena Buriti, que engloba nove aldeias Terena, se arrasta na justiça há 70 anos. O último recurso foi apresentado há dois anos, contudo, ainda não foi julgado.
Leia mais

– Exposição Séculos Indígenas – Fórum de Atualização sobre Culturas Indígenas

No último dia 29 de setembro, aconteceu no auditório da Fundação Nacional do Índio (FUNAI), o Fórum de Atualização sobre Culturas Indígenas – Ação Educativa da exposição Séculos Indígenas no Brasil. O secretário da Identidade e da Diversidade do Ministério da Cultura, Américo Córdula, esteve presente à cerimônia inaugural, que contou com a participação de cerca de 100 professores das redes pública e privada de ensino de Brasília.
Leia mais

> E mais :

– 20° Feira Nacional de Artesanato – FNA
– Dia do Índio Tapeba
– Lideranças Indígenas visitam o Congresso Nacional e pedem aprovação urgente do Estatuto dos Povos Indígenas
– Sepé Tiaraju – Herói Missioneiro
– Clamor dos Kaiowá Guarani ao presidente Lula
– Carta ao Ministro do Planejamento pede agilidade na criação da Secretaria Especial de Saúde Indígena

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here