Nós do povo makuxi,somos habitantes de fronteira do estado de Roraima.Um dos grandes problemas que enfrentamos em nossas Terras é a invasão do não-indios.Na Raposa Serra do Sol,a maior Luta foi com os pecuaristas e riziculores que estavam dentro da nossa terra,No ano passado conseguimos fazer a grande retomada,hoje ainda tem não indios,dentro de algumas aldeias,estes por sua vez são casados com as indias deste povo.Em alguns casos desses não indgenas que  vivem dentros das aldeias,foi que eles iriam aceitar a viver e conviver de acordo com a nossa aldea.Em outros casos esses mesmo vem causando grandes problemas.

Ao conseguimos a conquista da Raposa Serra do Sol,ganhamos uma luta,mas não ganhamos a guerra…ainda.Aqui no estado de Roraima ainda temos terras indigenas para serem demarcadas como é o caso da Terra Indigena Anaro e a Aldeia/Comunidade Lago da praia.No caso do Anaro, dentro da área desta aldeia existia  14 fazendas,destas 06 já receberam idenização e sairam de lá.Das fazendas que ainda não receberam indenização,uma delas onde está o rebanho de gado do arrozeiro Paulo César Quartiero, que já foi retirado da Terra Indígena Raposa Serra do Sol.No caso da aldeia/comunidade Lago da Praia o pedido para a ampliação dela causou um como sempre um descontentamento para a população não indigena.No ano passado o Tribunal Federal Fedearl da primeira região,em Brasilia concedeu uma liminar determinando que os indios daquela comunidade são os donos daquela Terra. A liminar determina que a área de 3.280 hectares seja reintegrada aos índios.E Até esta data a Funai não cumpriu a determinação judicial,e neste ano uma milícia armada conduzia o estado de terror na região, usando técnicas de guerrilha. Destruir a infra-estrutura de comunicação, as escolas e os postos de saúde são ações para promover a desestabilização e ocupação de terras. Um ato de guerra declarado em plena terra indígena e autorizado pela omissão do Estado. Apesar dos ataques, ninguém foi preso pelas polícias Civil e Militar. A denúncia foi encaminhada à Polícia Federal, mas quem acabou detido foi o indígena Juliano Pereira da Silva, uma das vítimas das agressões.

Alguns moradores da comunidade fugiram para Boa Vista. Os que ficaram não conseguem dormir à noite com medo de novos ataques e de ter suas casas incendiadas. Apesar da situação insustentável, nada foi feito.

E agora ???Nós makuxis,somos deste Estado,Donos há anos destas Terras,Somos Taxados de “INVASORES”de Terra,Mas Afinal,quem invadiu ??? Quem morava nesta Terra antes da Invasão do Brasil e de Nossas Terras.Isso Sim Foi Invasão !!!

Alex makuxi

Fonte:Conselho Indigena de Roraima- CIR

www.cir.org.br

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR
Indígena Makuxi - Raposa Serra do Sol; Acadêmico de História; Militante de Movimentos e Organizações Indígenas: OPIRR< CIR< ODIC< APIRR "Pode até Calar um Índio, Mais a Nação se levanta para Gritar" Alex Makuxi

3 COMENTÁRIOS

  1. alex,
    sua materia é muito importante.
    eu nao sabia da realidade de RAPOSA hoje…..E agora ja estou sabendo!
    precisamos divulgar mais esta informação….muitas pessoas acham que RAPOSa ja esta uma maravilha……E nao é nada disso!

    Força companheiro!!abraços
    s

  2. Parente!

    Muito boa sua matéria, é esse o caminho, usar o jargão popularmente conhecido como “botar a boca no trombone”. A “Grande Mídia” não cumpre o papel social dela, nós a fazemos por aqui, e sabemos que nossa página é bastante visitada, pelos simpatizantes, pesquisadores, e acredito que pelos nossos inimigos também.
    Esse povo não respeita a nossa história, esquecem que nossos ancestrais não pediram para serem expulsos, e ainda vária Ñações que conseguiram manter-se intacta passam por esse processo, se o Ministério da Justiça, através da su Fundação Nacional do Índio (FUNAI), não intervir, os fazendeiros, mineradores, enfim, todos os exploradores vão lá e exterminanm, ou expulsam.
    Que ferramente maravilhosa, essa que o homem inventou, mesmo que seu sentido primário, era ser utilizada como estratégia de guerra, na verdade uma arma para fazer o mal, mas felizmente, a população excluída pelo sistema está tranformando-a em algo que possa dar autonomia e fortalecer culturaS e tardições, melhorando a qualidade de vida dos que não tiveram oportunidade, porque lhes foi negado.

  3. Poxa quando eu leio essas coisas fico muito triste e sei o quanto os indígenas estão certos.Sou indiodescendente e sei que as coisas precisam mudar.
    Vamos continuar lutando para que sejamos respeitados

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here