Somos Patrimônio, somos filhos da mãe terra, filhos e filhas da mãe natureza, palavras e expressões que nem essas que fazem dos remanescentes de Bahetá verdadeiros herdeiros de uma cultura que atravessará séculos.

Foi nesse lema que o Livro Somos Patrimônio foi apresentado ao publico estudantil da cidade de Itaju do Colônia e região, com dialogo firme sobre o modo de viver, cultura, tradição e crença. Os alunos e professores muitos participativos tiveram a oportunidade de fazerem perguntas sobre a vida dos índios e ao mesmo tempo escreverem em poucas linhas o que acham em suas visões o que é ser índio e sua relevância para a história do Brasil e formação da nação. A professora da rede estadual de ensino Bete enfatizou a importância do município de Itaju ter a cultura indígena como marco forte de sua historia, a mesma disse que enquanto professora é uma admiradora nata do modo de vida e luta dos Hã Hã Hãe. Desse modo, dona Maura Titiáh, Maria Muniz, Fabio Titiáh, Bainã, Kawã e o cacique Akanawã expuseram a importância da divulgação desse trabalho que traz a todos muitas informações e história de vida só não dos Hã Hã Hãe, mas também de outros povos indígenas do Brasil contada pelo próprio índio e com grande apoio da rede de informação INDIOSONLINE e da ONG THYDEWA.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

  1. Caros Parentes,

    Meus parabéns, é escrevendo nossas histórias, resguardando e respeitando que vamos registrar que nossas vidas e a vidas de nosso povos, são verdadeiros patrimonios.
    Um Forte Abraço.

    Alex Makuxi – Raposa Serra do Sol

  2. genial!
    Parabéns para os indígenas por o trabalho e parabéns a Itaju que participou desse importante diálogo pela paz.
    Não posso esquecer que anos atras, quando a Prefeitura era comandada por um fazendeiro as coisas eram bem piore para os indígenas… Com os esforço das pessoas de BEM, a compreensão fraterna, as coisas vem avançando e vão ainda avançar muito mais.
    LIBERDADE e DIGNIDADE para todos!

  3. PARABÉNS, MUITO GRATO SABER QUE ALGUÉM ESCREVEU A HISTORIA ANTIQUARIATA DA NOSSA ITAJU DO COLONIA E SEU POVO INDEPENDENTEMENTE DE RAÇA.
    AGNALDO ROCHA

  4. Gosto ver os indios preservando sua cultura que é rica e milenar…
    pena que alguns aderem a outras religioes, que com o tempo acaba esquecendo e valorizando sua cultura.
    Amigos quando escreverem sobre os índios por favor, mencionar os índios(descendentes) que sairam das tribos e casaram com outros povos ( brancos e negros) pois eles tambem tem sangue de índios embora alguns povos esquecem as suas raízes infelizmente.

  5. Concordo com o Nuno as minha bisavos eram índias e os meus bisavos( portugues), levaram elas da tribo ao qual elas nao tiveram vontade, mas no fim deu certo eles casaram e tiveram filhos e aqui estou eu como dizem descendente de índio,vivo no na Selva de Pedra-SP mas meu coracao é índio, nao esqueci minha raízes gracas a Deus.
    felicidades para todos!!!

  6. Parabéns!
    Que este livro seja nao só primeiro, mas que sejam feitos vários ao qual quero ter o prazer de ler…e obrigado por compartilhar suas Histórias os índios tem belíssima cultura, por favor se puder escrever falando dos índios que foram viver no mundo dos brancos, também será interessante!

  7. Descobrir as minhas raízes e estou aqui tb, no meio indígena fazendo parte dessa nação tão linda.
    Gostaria de ter escrito alguma página deste livro.
    Um abraço a todos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here