O deputado estadual Geraldo Resende anunciou para a educação de MS cinco milhões , e deste 750 mil é para a educação da aldeia , com este dinheiro será construído um novo prédio para o ensino médio GUATEKA Marçal de Sousa , mas porém não há uma data para começar esta obra. E os jovens da AJI (ação dos jovens indígenas) estão de olho em todas as promessas de investimento dos políticos que são feita para a aldeia de Dourados .
E os alunos retornam as aulas em fevereiro e como ficam ????????onde irão estudar????????
Pois o ano passado todos os alunos estudaram na na quadra da escola Tengatui , pois a escola GUATEKA chegou a um ponto que não tinha mais como os alunos permanecerem estudando pois a estrutura física estava caindo .
E esta escola é o unico ensino médio da aldeia e as aulas para o ensino médio funciona no período vespertino e no período matutino funciona o ensino fundamental . Então não é apenas os alunos do ensino médio que estão sem sala de aula , pois os alunos do ensino fundamental também estão na mesma situação .
E a AJI foi atrás das informações , então conseguimos uma pequena entrevista com Geraldo Resende que afirma que a obra não tem data para começar e nem para terminar , e que a obra ainda vai entrar em licitação , e a previsão do deputado e que esta obra provavelmente sairá este ano .
É uma situação de urgência e a muito tempo deveria ser solucionada , ainda o ano passado os funcionários da escola GUATEKA estiveram em Campo Grande para trazer uma solução para a escola , mas não teve resposta , só agora olharam para aquela escola e resolveram investir nela .
O que nos resta agora é esperar a boa vontade dos políticos , não se sabe onde os alunos irão estudar , pois não há sala de aula para estudar.

JAQUELINE GONÇALVES PORTO-Guarani
jaquepeca@yahoo.com.br

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Parabéns pela matéria! É muito bom quando se fala na situação da educação indigena e pesquisar quando vem de verbra para os recurso do colégios… Mas para que tudo se corra bem é preciso que todos fiscalize principalmente os projetos que vem para aldeia… Se o governo diz em construir este colégio é preciso que todos cobre e reivendiquei porque todos tem direito. Se deixamos pela vontade deles as coisas se torna um pouco dificil porque sempre vai esta colocando enpesilho, pois a unica altitude da comunidade a tomar é lutar pela construção da obra e buscar melhoria para todos o povo.Tudo se pode realizar com movimento de luta atraves de dialogo com todos unidos.
    Grata:
    Yonana Pataxó Hãhãhãe

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here