MAIRA: Seu Fermande como foi sua chegada

MAIRA: Seu Fermande como foi sua chegada do senhor aqui na aldeia?

FERNANDE: Minha chegada foi por causa de conflito porque você sabe que assassinaram um filho meu onde eu estava então divido esse problema do assassinato do meu filho eu resolvi a sair de lá porque eu não queria fazer mal a ninguém ai o que aconteceu eu pedi minha saída de lá então a FUNAI mim prometeu de arrumar um local para mim viver com a minha família ai eu aceitei. E mim perguntarão se eu queria ir para a BAIA? Eu disse não eu quero um pedaço de terra para eu morar com minha família sossegada porque aqui eu não posso viver se vocês mim fizerem isso para mim é uma caridade.

MAIRA: Como foi a chegada do senhor aqui.

FERNANDE: A minha chegada na aldeia eu fui pra Bahia e lá não min dei bem por que não min deram o que prometeram motor, vaca, e leite pras crianças e terreno pra trabalhar com a família nada disso chegou ai eu resolvi ouve lá outros conflito refém o meu primo Zezinho Satile ai eu min desgostei também e não deu certo e eu vim embora quando eu chego aqui na cidade fiquei arrochado na cosa de piau caroseiro ele min deu lá o arranjo enquanto batalhava pra arrumar um canto pra min ficar mais meus filhos mais a FUNAI veio e prometeu min dar um pedaço de terra para morar e mandou que eu escolhesse .Chegou uma advogada nisso ai prometeu a min que ia a Brasília e vinha com o dinheiro suficiente para compra um pedacinho de terra para min viver com a minha família então ficamos esperando e quando pensamos que não chegou a FUNAI ai pegaram a min iludir para vim para aqui chegou lá em cima para min mostrar um pedaço de terra cheguei aqui falaram com o pessoal daqui uns aceitaram outros não e mas assim mesmo sua própria mãe dona Marlene e a sua família foram e min deram apoio Nicinho também mais teve gente ai que não aceitou mais divido a maioria que quis min aceitar min deram apoio e eu fiquei.

Entrevistadora: Maira

Entrevistado: Fernande Lourenço

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here