O povo indígena Entre Serras Pankararu, que na verdade são Pankararu, mas que vivem hoje em outro território, que foi demarcado e homologado em abril de 2007, e depois do processo de desintrusão, estão em sintonia com a natureza, do lugar onde moram. Esses Pankararu de Entre Serras, conseguem ainda preservar uma área de caatinga sem degradar, e hoje no Sertão são poucas áreas ou regiões, que conseguiram valorizar e preservar a biodiversidade existente na caatinga, como os Entre Serras conseguem. Assim hoje podemos encontrar na mata das Serras, Jaguatirica, Sonhinho (macaco), Teiu (lagarto), Veado e uma grande diversidade de cobras. E isso só é possível por conta de um senso ambiental que esse povo possui, e também por uma luta para reaver esse território, que passou muito tempo na mão de posseiros, que quase acabaram com toda essa beleza natural. Acredito eu se os Entre Serras não tivessem revisto esse território, hoje não poderíamos estar contando essa historia. É com grande propriedade que o liderança Crispin Pankararu, conta a historia de seu povo, e o orgulho que ele tem de morar num dos lugares mais lindo do Sertão Pernambucano.
Assistam o vídeo gravado em Entre Serras Pankararu.

Irembé Potiguara
Alex Pankararu
Taina Pankararu

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Descoheço essa preservação do meio ambiente pelos os Indios porque não dizer que era os posseiros que sempre trabahava com a conciência de de preservação.O meu bisavô constituio uma numerosa família e vem de geração para geração, hoje só vimos destruição depois que passou para o comando do Entre Serras. O governo precisa vê a catástrofe. E vê em que estado vive os posseiros,Deles que nem uma casa possuiem, e nem tem condições de pagarem aluguel. Estão perdendo a sua identidade. Agricultor o lugar é no campo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here