De 15 a18 de novembro do corrente ano vai acontecer no povo Potiguara da Paraiba o III econtro de jovens e adolescentes indigenas Potiguara este trabalho já vem acontecendo entre os jovens Potiguara. Foi no encontro anterior q surgiu a nossa organização jovem. Este ano tera como tema TERRA,EDUCACAO E ESPIRITUALIDAE.
Pretendemos neste encontro reunir mais de 150 jovens do nosso povo e os nossos parentes Potiguara de Katu-Rio Grande do Norte;Tabajara do Conde-Paraíba. Que estão em busca de seu reconhecimento étnico e se possível alguns jovens indígenas de Pernambuco.Para que assim possamos ter um intercambio.

tani
tanipotiguara@gmail.com

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Tani, parabens pelo esforço que vcs jovens do potiguara vem desenvolvendo, acho que uma comuidade indigena precisa mesmo desse esforço por parte da juventude, apesar que não são todos os jovens que se interessam pela sua propria cultura. Mas é isso ai cara, nunca desista da organizão joven, pois ela é força das nossas tribos.

    Itohã Pataxó Hãhãhãe ( Edmar )

  2. Tani , apesar de não ser indígena , sou um admirador e estudioso da causa, quero parabenizá-los pelo esforço deste encontro de jovens , que podem vir a ser futuras lideranças .É muito importante estes debates e discussões sobre cultura e valorização da identidade indígena e criar desde cedo nos jovens esta preocupação com a história de vocês. E tão importante quanto este encontro, é a oportunidade de povos que ainda buscam reconhecimento poderem expressar seus pontos de vistas e seus problemas , e tornar visivel sua luta.
    O povo Tabajara , assim como os Potiguaras , fazem parte da história do Brasil, desde os primeiros relatos ,precisam urgentemente serem reconhecidos , e garantidos seus direitos a terra , saude e etc. Continuem nesta luta que o retorno é certo , mesmo que demore . Torço por vocês !!!!

  3. É Este um dos caminhos,os jovens,mais os resultados devem ser positivos,não basta incentivo,mais sim uma cobrança,para que os resultados sejam os melhores,e os jovens índios mostrem o quanto são capazes,e aqui até deixo uma sugestão boa,que os jovens façam os cursos e façam estágios pela Funai,pois já que a Funai responde por um grupo que não correspodem á eles,poderam sim responde por aqueles que por direito eles são obrigados á encaminhar para um estágio,e outra idéia,esse estágio pode ser renumerado também,aí matamos dois coelhos com uma só pancada,é isso aí galera jovem,exija seus direitos,lutem e mostrem o quanto vcs podem,e se quiser um apoio podem contar comigo pois adoro um arranca rabo,adoro uma guerra,pra escrachar logo de vez,e finalizar positivamente aos jovens índios,parabéns ao incentivador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here