Cerâmica na encontrada
ENCONTRADO CERÂMICAS ANTIGAS NA ALDEIA PATAXÓ HÃHÃHÃE
No inicio de Janeiro do corrente anos, a família do Senhor Siorinho José dos santos(apelido popular Ló, é filho de Sr. Disiderio que foi um dos mentores da luta Pataxó Hãhãhãe). Estão fazendo uma roça próximo da sua casa, é um lugar plano próximo ao leito do rio de Agua Vermelha, é uma áreas de aproximadamente 5 tarefas, terra fértil. Sr. Siorinho juntamente com seus genros estão preparando a terra para o plantio de cereais. E quando começaram arar a terra começou aparecer vário pedaços (cacos) de cerâmicas, algumas com detalhes, depois de muitas atividades, foram encontrado um pote enterra na terra, só foi percebido quando um índios escultor a zoada de algo trincando, ao se aproximar do objeto veio a surpresa, era um pote grande que está enterrado aproximadamente 1,5 m ao solo, ao observar mais de perto perceberam que dentro do pote tinha ossos. Então dissidiram reservar esse local para estudo com especialista… continuando o trabalho em outro local próximo foram encontrado mais 02 potes.
Nós índios online de Água Vermelha, decidimos ir lá na localidade de Sr. Siorinho conferir de perto, saímos em um equipe de 6 índios online.

Ao chegar no local, percebemos que ali provavelmente é um cemitério indígenas, que poderá ser confirmado quando uma equipe de antropólogo e arqueólogo vinhe ao local.

fotos Tamanir Titiá
Mais para nós índios Pataxó significa, que os que os fazendeiros quiseram esconder da justiça veio a se revelar, após tomarmos posse de parte de nossa terra. é uma grande prova que essa terra é realmente de nós índios, Era aqui que os nossos ancestrais viviam felizes, e cuidavas de seus espíritos, vimos muitos detalhes mais no momento vamos revelar algumas fotos, compartilhar com o publico essa emoção. O índios online em sua simplicidade partilhar percepção, ao chegar no local.
Em outra regiões da nossa aldeia também foram encontrado desses cacos, o que nos faz compreender o quanto era grande a nossa tribo, que foram exterminado grande parte de nosso povo e roubado a nossa terra. Achamos que após a justiça vim conferir esses fatos, não tem como julgar errado a ação de nossa terra que tramita no Supremo Tribunal Federal.

Os texto abaixo é de Índios Online aprendendo o Etno jornalismo

Foto: Tamanin Titiá

Foto: Tamanin Titiá
INDIOS PATAXÓ HÃ HÃ HÃE ENCOTRARAM , CERÂMICAS, OSSOS.

Foi descoberto no inicio de janeiro potes com ossos de muitos seculos .
Temos certeza que os ossos são de índios dos antepassado , as formas dos traços são de animais como: tatu , escama de peixe .essas são as últimas noticias . Agora estamos aguardamos a resposta .

Entrevista com sr. Siorinho José dos santos (ló ) no dia 29\ 01\2011 por Fabricio Titiá 10 ANOS

Sr. Siorinho
Foto: Tamanir Titiá
OS INDIOS PATAXÓ HÃ HÃ HÃE APROCURA DE RESPOSTAS DOS BIOLÓGOS

Foi descoberto três portes desse portes tivemos acesso a um dese porte que contém traços de
casco de tatu; e de escama de peixe, e tudo indicam que são ossos de índios e essa descoberta
foi em inicio de janeiro

entrevistamos SR Siorinho José dos santos (ló) de 53 anos, no dia 29/01/2011

Txayará Pataxó 15 anos

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR
A muito tempo lutando em prol do Povo indígena do qual faço parte, até ameaças de morte já recebi. Mas não me calo! pois os espíritos de meus antepassados está comigo. E a proteção de Tupã.

12 COMENTÁRIOS

  1. eu quero ja a iforma que temos outras localidades da nossa aldeia que a inda não esta na nossa mão que os fazendeiro eles oucumpa a Mãe terra de 50 a 70 anos que o SPI servicio de proteção a os indios que os focionarios spi arrendado a nossa mãe terra, que foi grade massacre que eles fizero com o meu povo Baênã e os Hã hã hãe que foi os unicos indios premetivos na decada de 1940, que o SPI nos tentaro nos acabar mais nos ficamos enzolado no antiga aldeia caramuru catarina paraguaçu no municipio de Itaju do Coloniae, em outra aldeia, que agente tivemos um grade apoio de outra comonidades indigenas nos acolheros os meu povo tucero grades doensas que eles era uma grade contidades 134 indios que foro pegos afouça de cachorros e cordas e animais que predia em galpoes por muitos tempos para amançar, os nossos ancioes conta para os filhos e netos os massacre quer foi com o meu povo, eles queria determinar com o meu povo, com a nossa terra que é do meu povo Baênã e os Pataxó Bã hã hãe e outra etnia que ja esta com a gente a 70 ans, queromos que a juticia do Brasil deste pais que veia nos ver de perto esta grade historia dos sitios arquiologia que pessizamos a registra que os fazendeiros pode destruir estes registrosdos ceminterios dos sitios que esta nas fazendas que nos pertece estes grades cemiterios do meus antepassados.hoje a mãe natureza nos mosta os registros que o meu povo ja estavamos a quim, só eu Alapity Paulo Titia

  2. isso é muito valioso na luta em defesa da nossa terra, mas é preciso que isto seja preservado o maximo possivel.

    ãpohá pataxó

  3. Somos índio donos os verdadeiros dono festa terra, filhos da natureza. Natureza essa que se manifesta em pró dos seus filhos, para garantir-lhes os seus direitos de algo tão importante que pela não do homem branco foi-lhe arrancado.
    Somos desta terra e os nossos antepassados habitam nela.

  4. Olha Babau e nossa família de guerreiros, estou em Natal Rio Grande do Norte fazendo monitoramento arqueológico para Arqueologia Brasil, como sou estudante da UESC, comovocê sabe, temos um dever moral se servi-lo, uma vez que contamos com um núcleo de estudos e pesquisas arqueológicas, estou em particular pesquisando cerâmicas em áreas quilombolas, contudo, reconheço que quando os negros chegaram aqui nessas terras já encontraram urnas funerárias de vários povos que mantiam essa prática. Quero que saiba, retorno em março e mantenho contato com você para ajudar no que for possível.
    abraços do amigo e companheiro toninho
    Há, fiquei sabendo desta descoberta por Paulinha Kalantã de salvador, vou enviar para mais pessoas.

  5. Parentes,

    Temos certeza que cada palmo deste Brasil nos pertence, é dos povos que ja estavam aqui ha milhares de anos antes dos europeus chegaram, portanto nossa luta pela terra é mais que legitima.

    Não podemos esperar só pela “boa vontade” de governos, é preciso ação, ação coordenada, isso se faz necessario organização e os povos se unirem contra os seus inimigos.

  6. Este achado tão importante só fortifica a luta de vcs cada vez mais , legitima a terra que sempre foi vossa , e serve de reconhecimento histórico e fonte de pesquizas futuras , que vcs encontrem mais peças ainda e quem sabe possam montar em pequeno museu na area de vcs , contando um pouco da história dos povos que compõe o atual povo Pataxó Hã Hã Hae , e dos povos indigenas que utilizaram esta area como passagem em tempos atrás. Parabéns pelo achado tão precioso !!!!

  7. Bom dia!
    Os vestígios arqueológicos são muito importantes para a história deste país, em particular para a história indígena, inclusive por poder ser instrumento político na definição de territórios tradicionais. Neste sentido, precisa ser protegido.
    Como arqueóloga do IPHAN, indicaria que as cerâmicas fossem deixadas na terra para preservar o contexto em que foram deixadas pelos antigos, assim como para preservar o conteúdo dos potes. Tentem não cavar perto de onde eles estão. Essas informações são tão ou mais importantes que os potes em si. Nada deve ser tirado do lugar, na medida do possível.
    Qualquer intervenção, mesmo que tenha a intenção de preservar os vestígios arqueológicos, precisa ser autorizada pelo IPHAN. Assim, indico que procurem imediatamente este órgão (INSTITUTO DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO E ARTÍSTICO) para solicitar uma visita ao local, ou mesmo indicar um pesquisador sério e qualificado que possa dar apoio e quem sabe começar um trabalho legal por aí.
    Preservar o material arqueológico no lugar onde está e buscar uma pesquisa séria e autorizada pelo IPHAN é uma forma de preservar o poder político que vocês sabem que a cerâmica tem neste contexto de disputa por terras.
    Boa sorte,

  8. ADOREI O TRABALHO DA EQUIPE DOS INDIOS -ONLINE DE ÁGUA VERMELHA… VÃO EM ENFRENTE, PORQUE O TRABALHO VAI DÁ CERTO.
    PARABÉNS TODOA A EQUIPE

    YONANA

  9. eu Alapity Paulo Titiah,
    pataxo hãhãhãe, gostari de enforma Aos os pesquisadorese das universidade de sitios arquiologico,ou estudates, que nos velha a nos conhecer estes materias ou nos registra estes materias que esta sendo encontrado a vista e prezevado para quer nigem aprocima da localidade para não desfazar do material,temos outras localidades da aldeiavarios pontos da aldeia ou fazendas que esta a inda sendo ocupada pelos os fazendeiros de 60a80anos que os fazendeiro ivadiro este territorio indigena,que hoje a mãe natureza nos mostra estes materias,temos muitas gutas que o ome brco a inda não sim aprocimor,fica localisado em treis municipio de Itaju do Colonia,Pau Brasil,Camacan,Estado Bahia,temos potes com ossos cranio panelas e pedras alapitadas, com desenhoa, é um grade resgistro para este indigena,é grade cemiterios tradicional do povo Pataxó Hã hã hã,para contato 073 8177 5625,falacom alapity paulo titiah.

  10. Pessoar aqui quem fala e o Aashdua Peterulo , o Cacique da aldeia Peterulo . vamos aguardar , queremos nossas terras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here