Descubrimo que na CONAPI tinha 1600 sestaa basica da kariri-xocó para estes mes de outubro e que já estava liberando só quem sabia era o delegado da FUNAI e nenhum índio… Nos não sabiamos nada disso, quando nos descobrimos nos se revoltemos contra ele. Entào, todos fomos a CONAPI, chegando com toda a imprensa a nosso favou e constatamos que se encontrava as sesta basica, fizemos o pedido de 300 sesta para o nosso consumo e do nosso povo que estava na FUNAI, que no momento estava passado muitas dificuldades na FUNAI, tudo isso doeu na liderança. Chamamos o coordenador da CONAPI e tentamos negocia com ele mas ele não acordo com a gente e disse que a liberação não era com ele e sim com a FUNAI . Nos tomamos uma decisão: Não vamos volta para a FUNAI de mão limpa, vamos pula o muro da CONAPI. Com essa decisão fomos de encontro com o armazém, nos mandamos chamar o segundo delegado para liberar a sesta basica, ele liberou só 101 sesta basica e nós pegamos e levamos para a FUNAI para dar força para dança toré.

Esta matéria foi feita por: AYRÁ
Índio da aldeia kariri-xocó

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Nossa!! Parece até mentira, mas é pura verdade…infelizmente ainda somos descriminados e humilhados dessa forma ou pior…foi ótimo ter pulblicado essa matéria, vc tem um grande espírito de coragem Ayrá, parabéns!!!

    Vamos sempre seguindo em frente!!
    Luana Bárbara Pankararu.

  2. É isso ai meu irmão, muita força na luta!!!!!! Foi uma sábia decisão, não adianta esperar a boa vontade das autoridades incopetentes!!!!!!!! Que nossos ancestrais protejam os povos guerreiros, aporai pamé!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  3. AYRÁ companheiro foi muito bom vc fazer esta denuncia. Se as lideranças indigenas que são as autoridades das aldeias tomarem providencias a (FUNAI}, digo Administradores corruptos não vaõ fazer mais este tipos de coisas esconder o que é do indio, usou de má fé. Aqui na minha região surgio estes tipos de coisas de ex-administradores pegarem cestas basicas e usar p/ fazer politicas surjas “brigas internas” dentro das comunidades. Aquele indio cabeça fraca caiam no jogo surjo da funai os mais esclarecido faziaam as denucias as autoridades competentes e nada era resolvido, os indios que fazian as denucias eram punidos,” como responder na policia federal e ministério público.” os denumciados saiam como bomzinho. Aqui Já hove caso de sumir caminhão de adubos, comércio de cestas basicas, mal distribuições dentro das comunidades e o cumulo de usar nas politicas municipais, beneficiando a população não india. Estou finalizando com o meu comentário, sou indio pataxó hã-hã-hãe, faço acompanhamento da familhia “INDIOS ONLINE” que é um projeto muito bom p/ nós indios e os não indios que tem amor por nossas causas que é de todos.

    UM ABRAÇO. DE UM INDIO QUE SOFREU AMEAÇAS POR DENUNCIAR COISAS ERRADAS DA FUNAI
    E tenha cuidado podem armarem contra vc por que eu digo isto, já hove um caso aqui parecido com o de vcs.THAU.

  4. Em primeiro lugar, gostaria de parabeniza-lo pelo seu ato de coragem de uma liderança exemplar que vc tem.
    Temos que agir assim mesmo, meu irmão ayrí, porque se deixamos por conta deles nunca, iremos receber nda.
    Sabe por quê? porque eles são descompromissados com a gente, só se importam com o dinheiro na conta deles todo final de mês,é dificil falar isto,mas, essa é a realidade!
    Vc teve um ato de verdadeira coragem que, todo líder indigena deveria se inspirar em vc.
    Para todos saberem que não somos, idiotas como eles pensam que somos.

    meu nome é Ezequias Vergilio
    etnia-kadiweu -ms
    e-mail e-vergilio@yahoo.com.br
    kadiweu_ezequias@hotmail.com

    Aguardo contato!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here