Acontecerá hoje quarta-feira (20),as 16h no plenario Gilberto Fialho, uma sessão especial para discutir a demarcação do territorio indigena Tradicional do Povo Tupinambá de Olivença no sul da Bahia.

Dizem em alguns jornais online do Estado que a proposição feita pelo vereador Alcides Kruschewsky tem como objetivo maior escutar as aclamações da população não-indígena que reside em Olivença, próximo ou dentro do que seria feita a demarcação indígena Tupinambá na area urbanizada (Olivença que é bairro do municipio de Ilhéus).

Mas na realidades nós Indios Tupinambá que habitamos a area sabemos que é uma questão pessoal onde o mesmo vereador tem se colocado sempre contra a nossa demarcação, jogando os não-indios contra nós, deixando assim um clima pesado de intrigas entre todos os habitantes dentro da comunidade de Olivença.

Recentemente a FUNAI publicou no Diário Oficial da União o acolhimento do relatório que defende a demarcação da Aldeia Tradiçional indígena Tupinambá de Olivença, com área total de 47.300 hectares, sendo a maior parte, cerca de 80%, em Ilhéus, além de outros municípios como Una e Buerarema. Agora nos encontramos em processo de 3 meses para contestação dos “intrusos” porceiros que se encontram na area reivindicada por nós cedido pela Governo federal e FUNAI(Fundação Nacional do Indio), como seria essa contestação? Os não indios que habitam a area tem que provar durante os 3 meses que o local não é territorio indigena tradiçional Tupinambá.

Essa contestação qu falei acima, começará a ser feita, justamente nesta Sessão Especial que irá acontecer hoje a tarde, onde daram voz a agricultores, produtores, moradores, comerciantes e empresários do setor hoteleiro que atualmente se encontram na área em questão e que precisam expor as razões contrarias a criação da Aldeia.
Enquanto isso nós indios Tupinambá de Olivença estaremos nos organizando em base e fortalecendo nosso em nossos Rituais na presença de nosso Pai Tupã.

Awere!

Jaborandy Yandê Tupinambá de Olivença
Jaborandy@indiosonline.org.br
Cel: (73)9157-2919
(11)8024-9333

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

15 COMENTÁRIOS

  1. Infelismente, morando eu na Italia, nào posso ajudar muito mas o meu coraçào e a minha mente estào torcendo para que os dereitos do Grande povo Tupinambà sejam respeitados!!!! (finalmente).

  2. OLÁ MEUS PATRICIO,É MUITO TRISTE VER UM HOMEM PUBLICO QUE FOI ELEITO PELO O POVO, TAMAR PARTIDO, CONTRA UMA POPULAÇÃO QUE faz parte da COMUNIDADE ILHEENSE.
    FICA UMA PERGUNTA ESTE SENHOR ALCIDES KRUSCHWSKY, POR QUE SÓ VER O LADO DOS COLIGADOS DELE? SERÁ QUE O SALÁLIO QUE RECEBEM, NÃO TEM CONTRIBUIÇÃO DE TODOS? “INDIOS E NÃO INDIOS” QUAL O SEU ENTERECES? PELOS OS MEUS CONHECIMENTOS ELE EXERCE O CARGO DE VEREADOR, PARA OUTROS FINS, NÃO PARA TOMAR PARTIDO DE UMA CAUSA QUE NÃO É DA SUA COMPETENCIA, E PORQUE O VEREADOR ALCIDES, NÃO SE PREUCUPA EM LOCAIS PARA ACENTAR ESTE POVO? QUE VÃO TER QUE DESOCUPAR AS TERRAS TRADICINAIS DOS TUPINAMBÁ. NA VERDADE ELE TINHA QUE BUSCAR JUNTOS COM SEUS ALIADO, EM BRASILIA, MEIOS PARA ACELERAR A SAIDA DO POVO “NÃO INDIO” JÁ QUE O MESMO NÃO TEM CONHECIMENTO EXISTE UM ORGAM DO GOVERNO QUE SE CHAMA “INCRA” QUE É O RESPONSAVEL PELO O AMPARO DESTE POVO.
    SABEMOS QUE EXISTE PESSOAS QUE ADQUIRIRAM, POSSE DENTRO DE AREA INDIGÉNAS POR QUE Ñ TINHA CONHECIMENTOS DAS LEIS; MAIS SABEMOS TAMBEM QUE A MAIORIA QUE OCUPAM A MAIOR PARTE DOS TERRITÓRIOS FORAM, TOMADOS DOS INDIOS DE FORMA BRUSCA, MATANDO INDIO,TORTURANDO INDIOS,ABUSANDO DAS INDIAS, FORAM MUITAS VIOLENCIA CONTRA O POVO TUPINAMBÁ, SEM FALAR DO MASSACRE QUEACONTECEU NO “CURURUPE”.
    NA MINHA OPINÃO EU ACONSELHO A ESTE VEREADOR, SE REITEIRAR MAIS NA HISTÓRIA E NAS LEIS DO NOSSO PAIS, POR QUE, QUEM FEZ ESTES TRABALHO ANTROPOLÓGICOS, FORAM PESSOAS COMPETENTES E CAPAZES E QUANDO VAI SER PUBLICADO EM DIÁRIO ÓFICIAL ANTES PASSA POR ANALESE, O GOVERNO FEDERAL JÁ MAIS IRIA ASSINAR UMA PORTARIA, PARA PREJUDICAR O POVO, AGORA É AQUELE DITADO “DÁ A CEZA O QUE É DE CEZA”. VOCÊ DEFENDE UM GRUPO QUE SÃO EMPRESARIOS, HORTELEIROS ETC… E NÓS INDIOS?
    QUERO SÓ LEMBRAR UMA COISA QUANDO É FEITO O SENSO DO “IBGE” NÓS INDIOS NÃO FICAM FORA DAS CONTAGEM, E DIGO MAIS NÓS INDIO TAMBEM TEMOS NOSSOS DIREITOS NO MUNICIPIO, NA SAUDE, EDUCAÇÃO E SEGURANÇA…POIS TODOS NÓS SAMOS CIDADÔES E SAMOS ELEITORES. MEUS PARENTES SÓ QUIS ALERTAR ESTE VEREADOR,POR QUE DO JEITO QUE A POLITICA DE ILHÉUS É LAMEADA E TEM “ALGUNS” LEIGOS NOS ASSUNTOS, FOI O JEITO EU MOSTRAR OS NOSSOS CONHECIMENTOS…E SAMOS CONCIENTES QUE TEMOS TAMBEM PESSOAS NA POLITICA DE ILHÉUS, QUE SÃO PESSOAS COMPETENTES E CAPAZ DE ASSUMIR UMA CADEIRA NA CAMARA DE VEREADORES…
    NADA MAIS QUERO SÓ AGRADECE A OPORTUNIDADE E A CORAGEM DO PARENTE JABORANDI, DE COLOCAR ESTA MATÉRIA, FOI MUITO BOA, PARABENS MEU PARENTE…

    UM FORTE ABRAÇO, A TODOS INDIO E NÃO INDIOS.

    EMAIL:jovanildotitia@hotmail.com.br

  3. Pergunta para senhor Vareador: -Se fossem a sua casa confiscar suas terras que sao suas por direito que fazia? Sera o Povo indio que invadiu essas terras,ou que subiu a invasao de desconhecidos e arrogantes?EU diria senhor Vareador simplesmente:dar a Cesar o que é a Cesar e Dar a DEUS O QUE É DE DEUS por isso nao tente retirar aquilo que é por DIREITO E PRINCIPIO DO POVO INDIO.ABRAÇO A TODO O POVO INDIO,DE UM AMIGO EM FRANÇA.ALEXANDRO

  4. Povo INDÎO BRASILEIRO tende fé pois todo aquele que vos perseguir sera perseguido,que vos julgar sera julgado!Continuem a lutar por vossos DIREITOS LEGITIMOS pois se nao o fizerem que serà das vossas geraçoes!O mundo nao vos esquesse e eu admiro vosso Povo cheio de verdade e resistencia,continuem unidos pois Deus nao abandona ninguem.De um amigo de França.Alexandro

  5. Parabéns pela matéria e eu simplemente peço que continue a luta e não deixe os demais parentes fraquejarem, tive a oportunidade de conhecer um pouquinho da luta de vocês, a terra ainda não declarada e foi o bastante parar contatar que é maravilhosa. Força parentes

  6. Parabéns pela materia parente Guerreiro Jaborandy ! Estou torcendo pelos parentes ai de Olivença levo fé muita fé que vão conseguir!!!!!!!! É lutando que se chega lá , é se unindo que se faz força!

  7. Vai ser o cumulo do absurdo se o governo de Lula aceitar uma insanidade desta e demarcar toda esta área que vcs pretendem, isso para mim é um jogo político por parte da FUNAI que não quer deixar de ganhar o dinheiro que vem apara eles a FUNAI quer fazer o mesmo que a CEPLAC fez quando trouxe a VASSOURA DE BRUXA para a Bahia, destes índios cadastrados de forma ilícita e vcs sabem disso, pessoas que nunca foram da região e foi cadastrados como índios, mesmo que fosse verdade são 3.000 e poucos já os agricultores são 18.000, não sou contra vcs, mas sim contra a insanidade e tenho pena deste índios que estão sendo munipulados.

  8. Senhorews, esta é uma questão polêmica demais. O país inteiro se formou sob a égide de uma colonização europeia (portugueses, holandeses, alemães, italianos, espanhóis etc..)que massacrou os povos que aqui habitavam. Foram inúmeras as nações dizimadas, em um genocídio esquecido nas páginas da históeria. Nesse contexto o país inteiro teria que ser “desocupado” para dar a terra aos nativos sobreviventes. Acontece, que hoje, 500 anos depois, são poucas as nações que confirmadamente se mantém “indígenas”. na maioria, o povo brasileiro é missigenado e tem em suas veias, não apenas o sangue indigena sobrevivente, mas o sangue negro e o sangue do colonizador genocida, assassino e bárbaro. Não dá para acreditar que o povo que hoje mora em Olivença, que paga imposto ao governo federal, que paga IPTU _ Imposto Territorial Urbano – que pelo código tributário é pago pelo proprietário da terra e do imóvel (hoje em média, o IPTU de um imovel residencial em Olivença varia de 300 a 600 reais), seja despejado de suas residências por conta de uma leitura equivocada do que seria reconhecimento de ascentralidade e direito à terra. A Ocupação de olivença data de 400 anos aproximadamente e os atuais moradores são tão sobreviventes em sua missigenação quanto alguns dos auto-declarados sobreviventes dos Tupinambás. O direito ao uso capião coloca olivença dentro do município de ilhéus, participando de eleições municipais, estaduais e federais. Olivença não será “desocupada”. haverá outra forma de legitimar a reivindicação de terra para os rtupinambaás remanescentes e legitimar o direito de posse adquirida pelos moradores que são reconhecidos pelo Estado brasileiro como proprietários da terra e dos imóveis onde moram hoje. Existe ainda um detalhe, os 300 metros da costa brasileira peertencem à marinha e todos os imóveis que ficam na beira da praia estão em terras federais, que são do povo brasileiro, independente de qualquer etnia. È preciso ter calma pois essa decisão inconsequente, sem debate previo com os moradores de Olivença,descendentes de índios ou não, o ministério publico, a funai, o incra, o governo federal (secretaria da igualdade racial)já está gerando um cliam de revolta e de eminente conflitos naquela área que até então era a pacata Olivença.
    Então, eu que moro em casa alugada a um ano, que adoro o povo de Olivença, que tenho prazo de até março do ano que vem mudar de cidade espero que tudo se resolva em Paz.
    Sou filha da floresta amazonica, paraense de Santarém, descendente de indio tapajó, com negra e branco portugues. sou a típica descendente de indios, que também é negra e que também é branca.
    PAZ para todos

    Grande abraço

    Nivia maria

  9. No meu ponto de vista, vejo que essa onda de indios em Olivença se deu através de muito dinheiro na jogada, eu me lembro ainda menino, ninguém queria ser cabloco quanto mais indio…
    Agora surgi um bando de desocupados e desordeiros que não querem e nunca quizeram nada com a vida vem se aproveitando da situação “indigenas” para querer algo que nunca tiveram…

    vamos ser franco né, nunca existiu indios tupinambás em olivença.. vamos trabalhar cambada de ociosos.

  10. Isto é um absurdo, uma insanidade o que estão tentando fazer com Olivença.
    Não é possível que esse governo permita uma coisa dessa. Tirar de quem trabalha, paga impostos e entregar a quem nunca fez nada! Nem indíos temos mais.
    Que história ridícula de anos e anos, atras… Sendo assim PORQUE NÃO DEVOLVER O BRASIL A PROTUGAL!!!!

  11. Desde a invasão portuguesa em nossas terras que o índio sofre,teve que abandonar suas terras fugindo da escravidão e lutando pela sua natureza livre,seu eu independente.O processo de ressurgimento cresceu desde a grande Marcha do Descobrimento e a luta continua irmãos.Mas não vamos fazer o caminho que fez Mem de Sá, do sangue, vamos lutar por justiça de braços dados com a lei.

  12. ORA MUITO SE TEM ATACADO O POVO TUPINAMBA DE OLIVENÇA, QUANDO NA VERDADE O QUE SE ESPERA É QUE A JUSTIÇA SEJA FEITA, E O POVO QUE DIZ NÃO HAVER ÍNDIOS E QUE NUNCA EXISTIRA POR AQUELAS REGIÕES,DÊ PROVAS DESSES RELATOS; E POR QUE O MOTIVO DE TANTO ALARDE, POR POVOS QUE SE DIZEM BRANCO QUANDO NA VERDADE SE CONTRADIZEM A TODO TEMPO EM DIZER TAMBÉM QUE SÃO MICIGENADOS? USEM O TEMPO QUE QUE LHES FÔRA DADO E PROVEM AQUILO QUE DIZEM, AO INVÉS DE PERDER TEMPO ATACANDO DE FORMA EVASIVA O POVO QUE NÃO PARTICIPOU EFETIVAMENTE DA CONFECÇÃO DO RELATÓRIO EM QUESTÃO, E NÃO MAIS TEM DÚVIDAS DA SUA ETNIA (QUESTÃO PARA ELES JÁ RESOLVIDA); “CORRAM” EM BUSCA DE PROVAS; TODAVIA NÃO SE FARIA UM RELATÓRIO TÉCNICO CIENTÍFICO DEMARCANDO TERRAS PARA ÍNDIO EM UMA TEDERMINADA REGIÃO SE ALÍ NÃO HOUVESSE ÍNDIOS!SERIA UMA ASNEIRA NÃO É VERDADE? QUE A VERDADE PREVALEÇA!!E VALE LEMBRAR QUE TANTO BEBEM BEBIDAS ALCÓOLICAS O “BRACO” O NEGRO E O ÍNDIO, TODOS COM RARAS EXEÇÕES.SOU TUPINAMBÁ!!!!

  13. Engraçado!!!Antigamente ninguém queria ser conhecido como CABOCLO DE OLIVENÇA!!!KKKK…Agora, virou brincadeira,têm índio vindo até de outros estados para ser cadastrado, gente que se mudou agora,p/ ser conhecido como índio, também com tantos benefícios!Emprego então hein?? Na escola indígena e na saúde é o que mais rola!!!Cesta básica, leitinho cursos, viagens, empréstimos!!
    Agora mais engraçado ainda vai ser, quando começar a cair as máscaras, quando todo mundo realmente descobrir quem são??E eu vou está aqui de camarote assistindo tudo e dando risada…E como disse o meu companeiro aí em cima:

    – A VERDADE IRÁ PREVALECER SEMPRE!!!!!

    XAUZINHO…

  14. Ratifico as palavras no nosso companheiro ai em cima.
    essa fralde da Funai está acabando, ontem mesmo no jornal nacional já foram inspulsos 2 funcionarios por curupção…
    Olivença não tem indios desde o seculo 50 e o que habitavam aqui era os tupiniquuis e os aimorés e nunca os tupinambas.. rsrs
    essa caxique é muitoo burra, em vez de escolher uma dessas tribos q existiu escolheu q eu nunca existiu por aqui.

  15. Triste saber como o Brasil é um país onde o que se gasta com presos é muito maior que o salário mínimo…e pessoas que produzem, trabalham não têm direito à terra que adquiriram legalmente…
    Índios??? Que índios??? Tudo não passa de uma grande farsa, qualquer um pode se cadastrar como índio…pode ser loiro, de olho azul, ou até mesmo negro, mas a FUNAI ( Fábrica Nacional de Índio) vai lá e cadastra. é uma vergonha mesmo…conheço várias pessoas que se cadastraram e NÃO SÃO ÍNDIOS. vão trabalhar bando de sem ter o que fazer…Só querem encontrar e desfrutar do que está pronto?? Agora uma dúvida:Por que as áreas de demarcação são sempre áreas produtivas, áreas onde existem plantações, gente trabalhando??

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here