Tivemos muitos temas no dia do trabalhador falamos sobre as fontes de nossa aldeia, sobre o descaso da prefeitura para com os indígenas por não ter um caminhão para carregar nosso lixo onde nós acabamos tendo que queimar o lixo e nisso nosso ar fica poluído.

Também tivemos apresentações dos forquedos para que eles abençoasse o Dia do Trabalhador nos dando força, coragem e paciência no nosso dia a dia. Tivemos algumas orientações que nossos avós falavam e que se nós formos parar e pensar estas coisas acontecem mesmo (como a história do cipó que quando ele cresce demais é sinal que o ano será bom, do cororô que quando ele canta está a gorando um bebê recém-nascido, do Vim-vim que quando ele canta ele vem trazendo uma notícia boa ou ruim entre outras histórias.). Neste dia também teve alguns alimentos como frutas ou legumes que temos dentro de nossa aldeia, ervas medicinais; apresentações diversas de alunos. Foi falado também sobre nossas belezas, como fontes, serras, muitas áreas verdes e etc. Crianças representando os penitentes e uma representação dos alunos sobre a Paixão de Cristo. Este dia foi muito especial pois tivemos um momento de reunir muitos parentes e refletirmos sobre o que é nossa aldeia e a importância que ela tem para nós. Gostaríamos de agradecer aos Pankararus presentes pois mesmo debaixo da chuva tivemos muitas pessoas para conversarmos trocarmos ideias e experiências!

OBRIGADA MAIS UMA VEZ!SAM_2257 SAM_2260 SAM_2268 SAM_2291 SAM_2293 SAM_2296 SAM_2324 SAM_2335 SAM_2343 SAM_2355 SAM_2361

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here