O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a Secretaria Especial de Aqüicultura e Pesca da Presidência da República (Seap) anunciaram que irão destinar R$ 5 milhões a projetos que contribuam com alternativas econômicas, sociais e ambientais para a geração de renda em comunidades tradicionais, povos indígenas, pescadores artesanais, aqüicultores familiares e assentados dos programas de reforma agrária.

O objetivo é melhorar a inserção no mercado dos produtos dessas comunidades, que vivem na zona rural ou na periferia dos centros urbanos, e gerar renda utilizando tecnologias de base ecológica apropriadas para a agricultura e a aqüicultura familiares.

Do total dos recursos, serão destinados 30% para as regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Podem concorrer ao edital instituições de ensino superior públicas, comunitárias e confessionais, instituições públicas de pesquisa e/ou extensão, desde que sejam sem fins lucrativos, com capacidade e infra-estrutura de recursos humanos e materiais para realizar as atividades propostas.

Os projetos devem estar inseridos em pelo menos uma das dez linhas temáticas do edital, entre as quais estão desenvolvimento de produtos e subprodutos com fins terapêuticos, cosméticos, ornamentais e manejo, a produção ecológica de animais de grande, médio e pequeno portes e técnicas não convencionais para controle de pragas e doenças.

As propostas devem ser enviadas ao CNPq até o dia 14 de abril pelo formulário de propostas on-line.

Mais informações: www.cnpq.br

Fonte: Agência Fapesp

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here