Os professores das escolas Pankararu, desde a estadualização de suas escolas, tiveram a necessidade, de criarem um modelo de gestão escolar, que seguissem os critérios diferenciados e especifico que as escolas indígenas exigem, e através disso criaram a COEP – Central de Organização das Escolas Indígenas Pankararu. E com isso foram selecionados professores Pankararu, para coordenarem nas diversas disciplinas tanto indígena como não indígenas, e também foram selecionadas pessoas para cuidar das burocracias, que existem tanto nas escolas indígenas como nas não indígenas.

E atreves disso foi criado então a COEP, que há três anos vem desenvolvendo um trabalho, de busca da melhoria escolar indígena Pankararu.
Mas apesar de todas as dificuldades encontradas, os coordenadores da COEP vêm encontrando ao longo desses três anos, mesmo assim percebe-se uma considerada melhoria, na educação escolar Pankararu. E vários projetos foram implantados, como as horas aulas, que é uma forma de discutir, com os professores Pankararu como melhorar a educação escolar e para implantar algumas metodologias pedagógicas, e esse encontro se repete a toda ultima segunda-feira de cada mês. Entro outros também através da COEP, foram criados os Jogos Escolares Pankararu, a Semana da Cultura Pankararu, o Ensino Fundamental II de 5ª a 8ª série e o Ensino Médio e Normal Médio, tudo voltado à especificidade cultural e intercultural que envolve o povo Pankararu.
E com a coordenação geral de Elisa Urbano Ramos, que desde 1999 vem lutando, por essas e mas melhorias nas escolas Pankararu, os coordenadores, professores e comunidade indígena Pankararu, acreditam que essas atividades foi o primeiro passo, para futuras melhorias na educação escolar indígena Pankararu.

Alexandre Pankararu
alex@indiosonline.org.br

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. parabenizo a todos que fazem as escolas indígenas pankararu.
    Acredito na organização social, entendo que voces estão no caminho certo, continuem assim, e acrditem que, qual quer ameaça de desarticulação será derrotada com a iniaõ de voces.
    As escolas mudaram o perfil esta mudando, é por ai, acredito plenamente em voces galera, UM ABRAÇÃO PARA TODOS

  2. Parabenizo a nação Pankararu por ter um grande numero de bons professores que trabalham solidariamente pela beleza de sua nação!
    COEP e professores indigenas… Este espaço, este portal esta aberto para voces! Agradecemos vossa força para a contrução comum da educação indigena, ficamos a disposição e abertos para suas sugestões.
    Fico feliz de ver “da chica” e reiteiro que as portas estao abertas!
    abraços

  3. Ocupar espaços, abrir caminhos, assumir a luta…
    Esse é o processo de libertação de um povo!
    Parabéns a todos vcs e aproveito para um convite…Que tal um chat com um bate papo aberto sobre as conquistas do povo Pankararu na área educacional?
    Um grande abraço!

  4. Todo povo para vencer seus obstáculos precisam estar organizados. Essa foi a semente que plantei com vpcês no Seminário da Cooperpank… Mesmo distante de nosso torrão, não eskeço nem deixo de trabalhar por meu povo. E para quem ainda não sabe das novidades, trouxe de Palmas /TO, um braço da UNITINS, Universidade do Governo daquele Estado, e nela, em Petrolândia, temos Indios Pankararus fazendo o Bacharelado de Serviço Social. Em janeiro teremos novos Cursos como Administração de Empresas e Organizações em Geral; Ciências Contábeis e Pedagogia, num jeito Pankararu de ensinar e Aprender. vale a pena conferir. http://www.educon.com.br/unitins.

    Torço por vocês irmãos Pankararus.

  5. esse trabalho do xande e legal para nós aluno ver a educação de outra forma..
    assim mesmo com dificuldades encontrada vamos bucar ajuda para melhorar a eeducação de todos os pank e de outras aldeia nessecitadadas de educação prioritaria…
    eu como aluno quero dizer as prof que comtinuem trabalhando com gara e vcs serão a blibioteca de cada alunos e serão as martes do aprendizado de todos..
    eles vão olhar para traz e dizer: eu vir daquela escola,foi ali que eu fui educado…

    lenbre-se disso prof pank..

    thyrry.

  6. Olá td bem?
    Estive em uma comunidade dos Pankararus no Brejo a 2 semanas e adorei conhecer todos vcs, principalmente poder me aprofundar um pouco mais nessa cultura q é linda.
    Ficaria muito feliz se tivesse retorno e podesse manter contato com vc s.
    Obrigada
    Luciana Gomes São Paulo

  7. Sr. Leitor,

    Venho por meio deste solicitar de alguem com esperiencia e conhecimento em organizações. Portanto pretendemos criar uma CENTRAL ou NUCLEO das entidades não governamentais em nosso municipio de Centenario – TO, contando com a participação de 13 entidades não governamentais existentes, entre elas: associações, sindicato dos trabalhadores rurais e conselho Municipal de Desenvolvimento rural, fazendo uma central de atendimento de todos em uma entidade.

    Aguardo uma resposta da pessoa que puder nos dá uma força.

    Teixeira.

  8. Gostaria de lhes dizerem a todos voces que o caminho para a conquista de alguma coisa em prol da minoria, como é o nosso caso , tem que ser através de luta com insisitencia de resistir a tudo o quanto é tipo de pressao, e as vezes humilhante, mas devemos colocar para o Brasil todo que somos cidadaos é que por tanto demos o direito de lutar pelo aquilo que somos, um povo com as suas pecualiaridades, é isso devemos exigir que seja respeitado.

    celnhobelizario-estou aqui em minas gerais fazendo a preparação para o mestrado em educaçao, sou bolsista da funadaçao ford.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here