Senhor presidente,

Nós aqui representando o povo Pataxo hãhãhãe, com aproximadamente 3.020 índios, localizados no sul da Bahia, nos municípios de Pau Brasil, Itaju do Colônia e Camacan – BA, viemos aqui em seu gabinete implorar para que haja uma solução rápida urgente e definitiva na regularização e desintruzão do nosso território. O nosso povo depositou toda a nossa esperança nos quatro anos do seu governo.
Nós pataxó hãhãhãe queremos todo o nosso território julgado e desintruzado: livres dos invasores, no entanto passou se o seu mandato e nós índios continuamos a morrer de maus tratos e assassinados pela a pistolagem dos fazendeiros que ocupam a nossa terra, e a justiça não faz nada.
Veja os últimos acontecimentos de 2002 a 2006, os assassinatos sem se quer foi concluído o inquérito na policia federal.

O Milton Matos da Silva – morto por pistoleiros no dia 02 de janeiro de 2002, dentro da área indígena, região do Ourinho – o acusado é o fazendeiro Joel Brito.

O Raimundo Rosa Neres – morto no dia 18 de Julho de 2002, dentro da área indígena, região do braço da duvida, acusado é o fazendeiro Valdir Alves.

O Alessandro Nascimento dos Santos morto na frente da esposa e dos filhos no dia 27 de março de 2006 no braço da duvida, dentro da área indígena.

Todos esses assassinatos, a policia federal com sede em Ilhéus – BA tem, sido omissa, uma vês que as vitimas vinha sofrendo ameaças, já alguns dias antes do acontecido pelos os possíveis mandantes essas denuncias as lideranças tem levado a policia federal.

O vereador Gerson de Souza Mello sofreu 02 (dois) atentados no ano de 2005, dentro do veiculo da FUNAI, que ficou todo perfurado de bala, quando vinha da seção da câmera municipal de vereadores de Pau Brasil; até o momento nenhuma providencia, ninguém preso.

Ata para buscar os corpos no mato a policia chegava quando já estavam em estado de descomposição, em outros os próprios índios era quem buscava o cadáver.

A policia federal para cumprir um mandato judicial de reintegração a favor dos fazendeiros, requisita batalhão do Brasil interiro, mas quando é para resolver problemas a nosso favor, não tem agente disponível na própria delegacia (Ilhéus- BA).

Neste ano de 2006 foram cumpridas 15 reintegrações de posse para fazendeiros, enquanto 03 (três) famílias indígenas tiveram suas residências invadidas e seus pertences todos queimados e teve todos os criminosos identificados e ninguém foi preso, essas famílias foram os índios Nelson Batista dos Santos, Edigar Vieira de Souza e Alcides Francisco Filho; todos amparados em casa de família, até hoje sem solução.

Nossa comunidade está sendo vitima de um golpe, nós estamos totalmente neutralizados para lutar pela nossa terra, pois os juizes federais de Ilhéus e Itabuna, expediram interditos proibitórios em todas às fazendas que estão dentro dos limites do território indígena. Isso nos impossibilitou de continuar as ocupações, Com essa decisão deixa claro que a justiça da nossa região está favorecendo os fazendeiros invasores, conseqüentemente esses são os motivos do acirramento dos conflitos e as mortes na luta pela a terra.

Senhor presidente,

A nossa reivindicação é:

§ Queremos que o governo federal faça uma manifestação clara para os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Nós não queremos que o governo diga aos magistrados para ficar do lado do índios ou do fazendeiro, mas peça que julgue esta ação (312-01-BA) em caráter de urgência, para por fim no conflito na região.

§ Nós temos certeza que eles vão julgar pelas as provas que temos, a nossa terra é uma das mais documentadas do Brasil, portanto deve ser um julgamento judicial e não política, para agradar os coronéis do estado da Bahia acreditamos e confiamos nisso.

§ Queremos que a vossa Excelência determine ao ministro da justiça a buscar junto às forças políticas do estado da Bahia e dos municípios de Pau Brasil, Itaju do Colônia e Camacan, para que juntos encontre uma solução no sentido de convencer o relator a colocar na ordem do dia e posterior julgamento, já que o problema envolve o poder político que isso o supremo não decide, deixando claro que este consenso descartem qualquer possibilidade de negociação ou de redução do nosso território, isso o nosso povo não abre mão dos 54.100 hectares que é de direito.

§ Queremos a suplementação de recurso financeiro, para a administração Regional da FUNAI de Ilhéus – BA no valor de 90.000,00 (noventa mil de reais), para aquisição de um veiculo e reforma e ampliação da sede do Posto Indígena Caramuru e equipamento e quitação de divida contraída na assistência da luta de recuperação de território.
Pin – Caramuru, 15-08-2006

Das lideranças pataxo hãhãhãe.
Ao excelentíssimo Senhor presidente da republica.
Luis Inácio Lula da Silva.

Cordiais saudações,

Evangelista Bispo dos Santos. Gerson de Souza Mello.
Cacique. Vereador do PT.

Reginaldo Ramos dos Santos.
Presidente do conselho de lideranças do sul da Bahia.

E DEMAIS LIDERANÇAS DO NOSSO POVO.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

21 COMENTÁRIOS

  1. Estou com vcs no que for preciso! Acho que devemos divulgar esta carta em outros sites…o que acham?

    Um abraço!
    A Luta Continua…

  2. SEBAS, O ENCONTRO FOI ADIADO, E AS INFORMAÇÃO É QUE ESTA PREVISTO PARA LOGO APÓS AS ELEIÇÕES, AINDA SEM DATA MARCADA, MAIS VAI DEPENDER DESTE DIA 01 DE OUTUBRO SE VAI OU NÃO HAVER SEGUNDO TURNO, PORÉM SENDO LULA OU NÃO O ELEITO OS LIDERES PATAXÓ HÃHÃHÃE IRÁ TER UM ENCONTRO COM O PRESIDENTE DA REPUBLICA.

    SANDÓ PATAXO

  3. Apoio a causa de vocÊs e repassarei o site para toda a minha lista de e-mails, para q assim vocês possam mostrar o que ainda fazem com nosso povo indígena.

  4. Apóio incondicionalmente!
    Nós, índios ou decendentes, temos que nos unir! e apoiar todas as reinvidicações de melhorias para os povos indígenas e seus descendentes!

  5. Esta carta é interessante;nos,apoios e amigos da França, espera actos para o povo Pataxo-hahahae, especialmente que o tribunal federal supremo atribui os 54100 hectares do seu território e trabalha com honesta e independência perante as pressões políticas. _ que por último justiça seu ser tornar!.Chantal Grimal presidente da “Casa des Direitos Humanos”da Limoges.

  6. Como estmos em final d mandato, deixo aqui meu pedido para que o próximo (a)presidene q assumir o cargo, tenha “olhos” p ver o descaso q nosso irmãos indíos vem passando desde muiiito tempo, pense Sr(a). Presidente, antes foram os europeus a roba-los agora somos nós? As terras q agora ocupamos já tinham “donos”…então por favor, de aos nossos irmãos o direito de viver com dignidade, o direito de ocupar o lugar dos legitimos brasileiros.

  7. É meus parentes tomaram nossas terras destruiram todas as nossas riqueza ,e a vida de muitos indígenas, para termos de volta é mais uma verdadeira luta e a justiça sabe que temos o direito ,a terra é nossa mas eles não quer respeitar os nossos direito.

  8. Bom dia senador Sr. Eduardo Suplicy, venho agrave dessa te parabenizar por sua vitória no senado, te garanto apoio, pois sei que o senhor é um homen sério e competente, sei que não vou me decepcionar em ter votado no senhor. Pois sou um jovem de 30 anos, Alagoano,chequei em São Paulo em 1992 e aqui encontrei algo que de onde vim não tinha apoio (um emprego) pois morava em uma cidade do interior de Alagoas chamada Junqueiro onde os políticos fazem a festa com o uso do dinheiro do povo que é uma vergonha, nada de emprego ,nada de apoio as pessoas que precisam do poder publico e por isso é que tive que mudar da minha cidade natal, onde mora o restante de minha família e não tenho como ajudá-los,eles são da roça (sitio) onde cutivam seu pro pio alimento isso é bom não passam fome nem necessidades mas o poder publico (políticos ) deveria pensar mais no povo duque no pró pio bolso que é uma vergonha.
    Pois eu morava lá e via como eram as coisas, como por exemplo: se um prefeito ganhasse as eleições tirava todos os funcionários da gestão do outro prefeito e colocava todos os funcionários novos que apoiava ele, e se não apoiassem não tinha nem chance de um emprego e vice-versa, se em outra eleição outro político ganhasse seria a mesma coisa, eu pergunto cadê o concurso publico? Cadê a democracia o povo tem direito ou não ao trabalho decente? (um emprego), pois nessa situação ainda vivem muito de meus conterrâneos, gostaria que mudasse algo sei lá, uma lei. Sei que na política tem muitos picaretas mas também sei que ainda existe políticos decentes e ainda há uma esperança para nosso pais. Mas sai de lá por decepção, vergonha e tudo mais dos políticos que só pensam no pro pio bolso, lógico que não são todos mais a grande maioria. Um forte abraço de seu eleitor que ainda confia no senhor,

    Sem mais:
    Sebastião

  9. sr:presidente da república,Luis Inácio Lula Da Silva.premeiro quero parabenizar o governo do senhor pelo projeto energia para todos, é por isso mesmo que quero falar,hoje moro na Cidade De Águas Líndas de Goiás mais a minha Cidade natal se chama Turiaçú MA,eu morava no interior região norte do estado do maranhão,é com orgulho que falo senhor presidente da república, que temos lugares lindos maravilhosos na região do maranhão e como em outros estados também, o lugar mesmo onde eu morava se chama Cunhâ-Coêma tem cerca de 500 a 600 famílias sem nenhuma infra-estrutura este povo estar completamente abandonada a quele povo úmilde precisa é de energia elétrica só o senhor que pode nos ajudar.

    um abraço
    e
    muita sorte.

  10. Lendo Atentamente o clamor das Classes, passo a comentar.

    Nao faço parte de nenhuma familia Índigena. Mas somos todos brasileiros. Mais brasileiros ainda, são os Índigenas.
    Infelizmente, as injustiças estão a todo lugar. Sinto muito pela perda dos ente queridos de voces, em defesa daquilo que é mais sagrado e justo, “suas Terras”. Muito pouco posso fazer, mas a minha solidariedade nao falta, e também, minhas palavras que sirva de alimento às esperanças de voces, e um insentivo para encorajar o nosso Querido Presidente em manter suas costumeiras atenções e apoio aos menos favorecidos. Disso eu tenho certeza, pois sempre acreditei no “LULA”. Pois eu também sou um Ex. Sindicalista, e quando ele, nos anos setenta lutava em defesa dos trabalhadores metalurgicos, eu também defendia no interior, os trabalhadores papeleiros. Parabénz a voces, brasileiros legítimos, fé em Deus, e confiança ao nosso Presidente, que com certeza voces serão atendidos. Um abraço, até a proxima.

  11. De ORESTES RODRIGUES GALVAO- Catanduvas-SC

    Excelentíssimo Senhor: Presidente “LULA”.

    Mesmo quando você concorria uma eleição, e perdia, eu
    nunca me cansei. Voltava, acreditava, e novamente votava em Você.
    as não por um simples votar. Mas por ter “sede de justiça”. Nós ” vencemos “, pois você ganhou. Muito você já fez, muito ainda falta…Mas agora eu te pesso… ” Comece pela Justiça..”

    Que Deus continue te Iluminando, assim, fica claro que teremos futurio em nosso País.

    Catanduvas-SC
    Orestes.

  12. De ORESTES RODRIGUES GALVAO- Catanduvas-SC

    Excelentíssimo Senhor: Presidente “LULA”.

    Mesmo quando você concorria uma eleição, e perdia, eu
    nunca me cansei. Voltava, acreditava, e novamente votava em Você.
    mas não por um simples votar. Mas, por ter “sede de justiça”. Nós ” vencemos “, você ganhou. Muito você já fez, muito ainda falta…Mas agora eu te peço… ” Comece pela Justiça..” A cadeia ficou para quem não merece a liberdade. Muitos grandes ja foram, ainda falta o restante.

    Que Deus continue te Iluminando, assim, fica claro que teremos futurio em nosso País.

    Catanduvas-SC
    Orestes.

  13. De ORESTES RODRIGUES GALVAO- Catanduvas-SC

    Excelentíssimo Senhor: Presidente “LULA”.

    Mesmo quando você concorria uma eleição, e perdia, eu
    nunca me cansei. Voltava, acreditava, e novamente votava em Você.
    mas não por um simples votar. Mas, por ter “sede de justiça”. Nós ” vencemos “, você ganhou. Muito você já fez, muito ainda falta…Mas agora eu te peço… ” Comece pela Justiça..” A cadeia ficou para quem não merece a liberdade. Muitos grandes ja foram, ainda falta o restante.

    Que Deus continue te Iluminando, assim, fica claro que teremos futuro em nosso País.

    Catanduvas-SC
    Orestes.

  14. Senhor Presidente Lula:

    Venho por meio desta me queixar mais uma vez que o senhor não está fazendo um governo decente. Além de extorquir dinheiro do povo brasileiro por meio legal através dos tiranos impostos, está gastando desvairadamente por aí através dos seus secretários e o próprio senhor com esta desfarçante fuga secreta de dinheiro público chamado cartão corporativista. É a maior chaga da administração pública o governo usar dinheiro público sem prestação de contas, simplesmente com um breve relatório cinzento para que a população não possa enxergar para onde está indo o dinheiro público. Com essas reincidências de lambanças o senhor pode acabar em um impeachment e aí não vá se queixar que foi a oposição quem promoveu sua queda. Seja que partido for, se isso acontecer será impulsionado pelo maior patrimônio da nação que é o seu povo. O senhor está apostando demais na sua origem que veio do povão, achando que isso lhe dá imunidade para tal travessura, somente o senhor(rei) e os amigos do rei que estão nesta farra!
    Vilson Vieira.

  15. Presidente Lula.

    Muitos reclamam e vos criticam. É logico, voce está esbanjando demais mesmo, como diz anteriormente o texto de Wilsom Vieira dos santos. Até parece que voce esqueceu que veio do Nordeste pobre e desprovido de conforto. Portanto é hora de voce pensar, analisar, e tomar conhecimento que ainda existem pessoas em situações bem precária. ” Volte a fita”, e confira.

    Eu. ainda acredito na tua Administração, mas por favor, faça algo ainda, de melhor.

  16. Presado Presidente Lula.

    Vamos regulamentar, e colocar na cadeia os que estão cortando a mata da Amazonia, Mato Grosso, Rondonia etc…
    Onde estão as autoridades para impedir essa situação?

  17. Excelentísssimo Sr. presidente gostaria que colocassem mais soldados no amazonas para proteger nosso maior pratimônio……….muito obrigado

  18. Ilmo.
    Sr.Presidente
    LULA.

    Sr Presidente.Quero apenas prestar meus serviços de saúde a esse povo tão inteligente e inigualável!Não consigo realizar esse sonho por que?
    Peço sua ajuda no que for possível!
    Abraço grande,
    Fátima.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here