Boa noite a todos os parentes indígenas do Nordeste e a todos que acompanham os índios online.

E com grande satisfação que divulgamos o espaço que as Mulheres Indígenas estão tendo no movimento indígena e todos nós povos indígenas do Estado do Ceará estamos felizes pelas nossas guerreiras mulheres da AMICE – Articulação das Mulheres Indígenas do Estado do Ceará que estão sempre lutando pelos nossos direitos.

Nós dias 11 e 12 de Novembro de 2009 elas realizaram a II Assembléia Estadual das Mulheres Indígenas do Ceará na Aldeia Imburana dos Índios Tabajara e Kalabaça de Poranga, para discutir assuntos relacionados ao movimento indígena cearense como: A demarcação de nossas terras, saúde, educação, a organização de mulheres em cada aldeia e principalmente a eleição para a escolha da nova diretoria da AMICE. O evento contou a participação de lideranças mulheres de todas as etnias indígenas do Estado e de outras instituição e órgãos do Estado e de Brasília.

Nó final da reunião foi elaborado, assinado e encaminhado um documento para a FUNAI solicitando com urgência o reconhecimento do povo Tupinabá de Crateús.

Peço desculpas as nossas guerreiras, pois tinha ficado responsável pela divulgação no índios online mas não estava conseguindo acessar o site. Abraços em todos…. Jorge Tabajara do Ceará.Guerreiras indígenas do Ceará!

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Olá Jorge, e todas as guerreiras indígenas cearenses, apesar de não ter conseguido passar antes a noticia estamos muito felizes de que tenham divulgado na Rede.
    É sempre bom termos noticias de vocês e principalemnte quando se trata de um trabalho tão organizado e fortalecido como é o da AMICE. Isso se torna fonte de inspiração para nós, podemos usar como exemplo para os povos que ainda não tem suas organizações de mulheres.
    Grande Abraço a todos, e vamos seguindo forte na luta!!!!!

  2. Passando somente para parabenizar a todas nóis que fazemos parte da AMICE,e dizer que estamos ai pra somar e compartilhar nossos conhecimentos com as demais, e também agradescer a acolhida que a Aldeia Imburana nos proporcionou, e a todos os Tabajaras e kalabaças de Poranga!E pedir forças ao Pai Tupã para irmos em frente por essa luta que e de todos nós!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here