No Brasil, o Governo Federal criou o Prêmio ODM Brasil visando incentivar, valorizar e dar maior visibilidade a ações, programas e projetos que contribuam para os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.Na 2ª edição, Prêmio ODM Brasil 1.062 programas e projetos foram inscritos, sendo 572 de organizações e 490 de prefeituras e, em dezembro de 2007, seu Comitê Técnico selecionou as 42 iniciativas semifinalistas à premiação. Nosso Projeto do Arco Digital nos Indios On Line, Comunidade colaborativa de aprendizagem,ficou entre os 42 semifinalistas, e vamos continuar todo mundo trabalhando pelo desenvolvimento. Para receber o reconhecimento público da Presidência da República e das prefeituras e ONGs em nome da Thydewa, estiveram em Brasília no dia 29/10/2008, no Palácio do Planalto, o Cacique Pataxó Hã Hã Hãe Reginaldo Akanawan Baenã e a professora Ana Paz ( Anita Wekanã). Queremos dividir com todos os facilitadores e participantes do Arco Digital, este reconhecimento público, e parabenizar os 20 projetos e prefeituras premiados, que estão efetivamente trabalhando para construir um Brasil mais solidário.

Os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) foram traçados em 2000, em Nova York durante a reunião da Cúpula do Milênio. Nela, líderes de 191 nações oficializaram um pacto para tornar o mundo mais justo e mais solidário comprometendo-se a cumprir oito objetivos até 2015:

• Acabar com a fome e a miséria;
• Educação básica de qualidade para todos;
• Igualdade entre sexos e valorização da mulher;
• Reduzir a mortalidade infantil;
• Melhorar a saúde das gestantes;
• Combater a Aids, a malária e outras doenças;
• Qualidade de vida e respeito ao meio ambiente;
• Todo mundo trabalhando pelo desenvolvimento.

Para saber mais sobre os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e sobre o Prêmio ODM Brasil acesse: http://www.odmbrasil.org.br/ e www.pnud.org.br.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Fiquei muito honrada e feliz em ver os povos indígenas participando do Prêmio ODM e pelo projeto desenvolvido, parabéns!!!! Nesse evento, pude conhecer de perto o Cacique Pataxó Hã Hã Hãe Reginaldo Akanawan Baenã e a professora Anita Wekanãe, apesar de n~~ao ter conseguido conversar com eles. A empresa que representei foi honrada por ter apoiado os trabalhos da equipe da Presidência e por desenvolver também projetos ODM no Brasil. Temos muitos amigos no trabalho que são descendentes indígenas que gostaríamos de auxiliar fortalecendo sua liderança, mas ainda conhecemos muito pouco sobre suas origens, nações, e como podemos contribuir para que possam realizar mais pelos povos indígenas, para que a sua cultura seja preservada e difundida entre os brasileiros pois isso significa conhecer e reconhecer sua verdadeira história. Como os brasileiros de um país como o Brasil podem ter prosperidade e sabedoria se desconhecem sua origem, sua história, sua cultura e seus antepassados? Fazer esse encontro interior faz nossa alma se reencontrar com nosso coração verdadeiro e nos torna seres humanos por inteiro novamente, mais fortes, mais vivos! Mais vivos para fazer a boa luta, a luta pela justiça, pela paz e pela vida humanamente digna! Gostaria de conhecer mais sobre as nações. Tive avós descendentes indígenas e quero saber da história de minha etnia e ainda não sei por onde começar. Se alguém puder me ajudar, agradeço muito. Um grande e amigo abraço! Sueli Mascarenhas de Brasília

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here