Sou ahinaka índia pataxó hãhãhãe,

estou pela primeira vez tendo um contato amplo pela internet. Pretendo através desta saber um pouco mais sobre a cultura indígina e passar os conhecimentos que tenho a todos interessados.
um abraço e ate a proxima oportunidade.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. ahinaka e maravilhoso saber que vc estar entusiasmada para entra no mundo virtual,e espero que vc tenha sucesso em todos seus trabalho e saibá que se presisar de mim thyrry eu ajuidarei com prazer.felicidades.
    thyrry.

  2. Oi! Que bacana vocês estaremcomecendo este outro lado! Mais tambem fico preocupado quanto a essencia de vocês, sua cultura e tradições, espero que não se percam!Sinceramente gostaria de ser índia a homem branco, bem que tenho descendencia índigena; sinto-me emocionada por tudo que vejo de vocês e sei sobre você, tudo tão puro, até pouco tempo atrás pelo menos! Desejo que vc sigam o caminho do aprendizado de forma sábia e prudente!
    Gostaria de saber aonde vocês se localizam, para em breve eu ir até você e quem sabe ajuda-los! Sou estudante de biologia e geologia e tenho 23 anos!

    Um abraço ahinaKa! E Deus lhe iluminem!

  3. Ahinaka,
    Fico feliz em saber que você e seu povo conquistou esse espaço de comunicação importante que é a internet. Que sirva de espaço de aprendizagem, de troca de experiências com outros povos e de denúncias do sofrimento vivido pelos Pataxó e outros povos.

    Segue uma mesagem de um índio boliviano Guaranir que tem muito a falar, principalmente para estudantes e professores

    “El professor indigena tiene que demonstrar
    El amor a su origem y a su comunidad.
    Tiene espiritu de serviço y de lucha.
    Finalmente, tiene disposición de aprender de la propria comunidad.
    Luego, és originário de um pueblo indigena;
    Preparase adecuadamente en centros de estudios.
    Busca siempre ser el mejor de los maestros.
    Estudia mucho su propria cultura y a la sociedad del entorno.
    Conquista las ciencias de su pueblo y la ciencia mordaerna universal”.
    Angel Aramayo (Professor Guaranir – Bolívia)

    Vá em frente!
    virgilioalberto@gmail.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here