Nós de tumbalala fomos para a ilha da asunção para uma grande paciata, para mim foi um grande prazer participar desse grande evento.Tinha varias etnias de todo lugar, falamos das propostas, para que os povos indiginas venham cada vez mais cuidar do RIO SÃO FRANCISCO.
Também falaram da pesca que é um caso muito inportante para os pescadoreis. Os peixe estão acabando principalmente o surubim que já não se encontra mais no nosso RIO. O artesanato que nós temos é muito valorizado no nosso brasil inteiro, quando alguns indios vão para alguma viajem nós levamos O ARTESANATO para vender. Nós temos que fazer uma revitalização muito grande como não joga o agrotoxicos no RIO para não poluir mais do que já esta. Falaram também da transposição que estão querendo fazer mas, os indios e outras étnias não vamos deixar isto acontecer por que com a transposição vai acaba com o RIO SÃO FRANSISCO que é muito bom para os ribeirinhos.

QUE CUIDA DO RIO É MUITO BOM,MAIS QUE MATAR É MUITO MAIS PIOR POR QUE NÃO TEM ÁGUA PARA BEBÉR.

EDILENE TUMBALALA

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Edilene, E muito importante os indigenas estar dando sua opiniao sobre “ESSE PROJETO DE MORTE QUE EXISTEM EM CHAMARA DE TRANSPOSICAO”… Tem que falar alto, tem que falar muito, tem que se manifestar nas ruas, nas TVs e na INTERNET!
    Mandar cartas como a sua e mais e mais… COLOCAR SUA OPINIOES PARA A SOCIEDADE ENXERGAR A VERDADE!
    Organizacao é a chave!
    sebas

  2. Olá Edilene,
    Hoje na Televisão apareceu uma notícia que mostrava o rio dos Sinos, no Rio Grande do Sul, onde milhares de peixes foram encontrados mortos neste fim de semana. A suspeita é de contaminação da água por parte das empresas. Quem os povos indígenas poderão parar com essa escalada de destruição?? Fica a pergunta para vc pensarem.

  3. paresse ter sidu um grande evento
    e tinha varias etnias de varios lugares
    eu tambem gostei do fato
    da tramsposicao do rio sao francisco

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here