LOGO MIBA

Entre os dias 03 e 04 desse mês várias lideranças da Bahia, reuniram em assembleia, na Aldeia Tuxá Kionahá, Muquém de São Francisco-BA. Para a criação oficial do MIBA- Movimento Indígena da BAHIA, que tem como missão assegurar e garantir o respeito aos direitos coletivos e integridade dos povos indígenas da Bahia a nível nacional e internacional.

 

Esse é um movimento iniciado para crescer, vamos visitar as comunidades da BAHIA, vamos criar um site de transparências para que os parentes indígenas conheçam os seus direitos e que nós mesmo possamos mostrar a realidades que se encontram nas aldeias, em parceria com o site dos índios online. Pretendemos fazer as assembleias nas aldeias, por que acreditamos que seja uma forma de conhecer a realidade que cada comunidade. Fazer assembleia nas cidades prejudica, pois o comercio o conforto enfraquece esses eventos. O encontro do MIBA, foi com a proposta de montar a estrutura que vai nos guiar e vamos defender, aonde fizemos uma conjuntura e com isso conseguimos registrar muitas informações sobre as realidades das comunidades, os desafios que vamos enfrentar, apresentada na reunião por lideranças de base.

 

“Ser índios nesse país não é fácil, é muita discriminação, o MIBA é que vai levar a nossas vozes ao governante desse país.” Cacique Giba

 

o MIBA veio a existir para que haja igualdade para os povos indígenas da Bahia, para que os direitos sejam aplicados nas bases, levando assim uma assistência social a quem está precisando de verdade.

As lideranças que participara da criação oficial do MIBA, tem a dizer que esse órgão foi criados para defender os direitos dos povos que ficam nas bases sofrendo. Precisamos fazer o governos dos estado a voltar a respeitar as lideranças de base e não ficar favorecendo uma pequena minoria. O encontro foram realizados no Oeste, são comunidades que estão esquecidas. A principal missão é o MIBA visitar todas as aldeias e dá visibilidades os descasos que vem acontecendo e comprometendo as comunidades.

“A reunião aconteceu com os nossos esforços. É uma honra fazer parte do MIBA! hoje, é criada em um movimento de Moral.”

 

É meta do MIBA lutar a favor da nação indígenas do e Estado da Bahia e ser transparentes com os seus membros, e seguidores.

Comentários via Facebook
COMPARTILHAR
A muito tempo lutando em prol do Povo indígena do qual faço parte, até ameaças de morte já recebi. Mas não me calo! pois os espíritos de meus antepassados está comigo. E a proteção de Tupã.

1 COMENTÁRIO

  1. Acredito na política que esse novo movimento se propõe a fazer, esses novos pensamentos, ações mais transparentes, pensamento para o coletivo faz do MIBA a certeza de um novo olhar para as comunidades indígenas da Bahia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here